Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

As vezes fico triste!

Mas quando isso acontece,
Entro no recanto,
Não para compor, mas sim,
Ir ver verdadeiras obras primas,
Naquele ninho de poesia.
As vezes fico alegre!

Dou pra escrever, pode ser poema,
Ou pode ser letra de música, não importa..

Retiro do poeta os medos, pudores,
E deixo fluir sentimentos verdadeiros.
Cada uma das poesias vem sempre cheia de afetos,
Algumas falam de amores, essa fala de amizade,
Nenhuma exaltará sentimentos pequenos,
Terrorismo, covardia, maldade,
Ou vingança que seja!

Deus designou que os poetas falassem de coisas boas,
E tento fazer isso sempre...
Uma poesia bem intencionada tem mesmo muito mais valor!

Uma vez brincando com uma meNina e poetisa querida,
Me deixei levar pelo impulso,
Ao pedir que me provocasse e ela não se fez de rogada,

Piscou o olho pra mim, na figura de mulher bonita,
Instigou-me a fazer poesia, com ou sem rimas?
Sou poeta, parei de falar um pouco, sentei e fiz.
Cada verso, foi regado com muito carinho,
Afinal, não era pra uma musa qualquer,
Deusa das palavras e dos sentimentos,
Ali na minha frente provocando-me,

Piscando o olho cada vez mais!
Rindo um pouco de sua brincadeira, E...
Adorando tudo aquilo,

Minhas mãos batendo  rápido em teclado,
Ia dando forma ao poema,
Mas algo ainda faltava...

Eu tinha que contar pra ela, um pouco da minha alegria,

Encontrei uma amiga, uma especialista em dizer coisas,
Uma pessoa meiga, cheia de sentimentos bons!

Gostei tanto de conhecê-la,
Os versos que faço nesse momento,
São construídos de alguns sentimentos,
Ternura, carinho, amizade...
E eu fico assim, muito grato, porque somos,
Irmãos de uma mesma felicidade! 



EU PARTICIPEI DA MARATONA DE ACRÓSTICOS,
VENHA VOCÊ TAMBÉM!




paulo cesar coelho
Enviado por paulo cesar coelho em 10/02/2006
Reeditado em 23/03/2006
Código do texto: T110032

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
paulo cesar coelho
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
2589 textos (470431 leituras)
57 áudios (6064 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:21)
paulo cesar coelho

Site do Escritor