Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PRINCIPE...

- Principe

E-moções aos gonzos rítmicos,afloradas na frase escrita!
T-ateando alento da paixão , sopra o aventado descrito
E-ternamente que seja, troque a água enquanto palpita
R-imando lucidez insana, fremente o bacio, ornando o dito
N-a fleuma alvura percorrida por nossos intensos a flor dita
A-quem diga ser louco ser demente ou tonto amar prescrito...
M-iríades adorados disseminando, sentidos no corpo ardor
E-nlevos bordadas trovas,entrelaçados versos propõe calor
N-as águas fluidas de meu rio e fonte, saciam a sede de amor
T-ecendo na mente anseios bordados, dedico a você esta flor!
E- nlaçando sentidos, olorosas linhas de um sonho acariciador...

D-eclamo ao vento solfeje as velas, faviono acelerador
E - nlevando pélago avivando convulsivas ondas tecladas
L-uzidos grãos dourados Príncipe e Princesa, banhados de alvor
I- mpregnando sidério de broches estrelados no orbe,cintiladas
C-onduzindo embarcadiço a buscar farol ,seu porto acarretador
I luminando percurso sem procelas e brumas , guiar das lestadas
A- navegar o querer que se que se quer, gêmula a flor absorsor
D-izimando temores, preenchendo vácuos, embalando nas vagas
O-ndas que vem vão,entoando canções de amor, sentido abrasador...

C- onsertos solados na maestria de oito corpos orquestrados
O -iço notas doces saltitadas proas, altas nos mastros trocados.
M-arés sorriem, banhando lidada, aragem ateando aculeados.

A-“ Poesia de meus dias! Agradecida aos versos inspirados”!

Poetisa de todos os Ventos. Quero-te ,até breve eté-ria-men-te...

“ A Poetisa dos Ventos”
Deth Haak
25/02/2006
Odete Pereira Alves

“Eu estou correndo a maratona de ACRÓSTICO vem comigo”


Acróstico inspirado em um comentário deixado na página da Fada das Letras,Ao poema dedicado “ A Poetisa dos Ventos”.... 23/02/2006 01h44 - "Principe"
"Eternamente deliciado com a Poetisa de todos os Ventos". Na esperança que o mesmo venha comentar este a ele dedicado.Avante poetas e poetisas rumo ao recorde. Beijos poéticos morrendo do prazer. Deth Haak
Deth Haak
Enviado por Deth Haak em 26/02/2006
Reeditado em 27/03/2006
Código do texto: T116442
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Deth Haak
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 57 anos
547 textos (65375 leituras)
50 áudios (9723 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:55)
Deth Haak