Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu participei da maratona de acrósticos:


E o eco de minhas palavras, ecoando pela rede
U ns outros ecos conseguiu encontrar...

P alavras bordando versos, postos a versejar, acrósticamente...
A s palavras em cadeia formaram a maratona na qual estou a participar!
R icas rimas, poesias tão boas, pondo-me a sonhar...
T antos contatos, feitos no espaço amplo da internet! Soltos pelo ar!
I nesperados encontros, poéticos encontros, sentimentos a se irmanar!
C om o coração palpitando, encotrei Deth Haak cujos ventos levaram meus ais...
I nspirados acrósticos, inspirando-se uns nos outros!
P eguei então a minha pena, hoje tornado teclado, e pus-me a acrósticar...
E screvi sobre o amor ao meu estado
I nscrivi os meus sentires enamorados, despindo-me sem pudor, amor!

D ei vivas, pelo aniversário de Castro Alves, o meu Secéu: Gondoleiro do Amor!
A bri o verbo, pelo amor ao meu Brasil, então rasgado!

M as após tudo feito e acabado,
A inda resta muito a fazer e para ser falado...
R adiante estou a espera, do premio almejado:
A gloria de ter meu nome no rol do guiness book, junto de tantas companhias seletas!
T oma cuidado quem me ler agora:
O nosso objetivo não é a gloria pela gloria
N ós todos somos poetas
A Fada das letras é uma poeta...

D emos o melhor de nós,
E que as nossas palavras encontrem ecos em outras esferas...

A nossa poesia sirva de alerta:
C ada um de nós do recanto que se manifesta,
R ompendo todo silêncio, que nos cerca, - pois por vezes estamos sitiados,
O nde quer que cheguemos, - e olha, iremos avante!
S ó tendo a palavra como arma, Gandhis modernos,
T razemos em nós a semente de novas eras...
I nspirados poemas, raras diademas, feito versos...
C lamamos a todos que não desistam de seus sonhos,
O nde quer que estejam sejam fortes e perseverem...
S ó assim aqui chegamos: No Guiness, poetas, versos, recantistas brasileiros, esperanças em verde amarelo!


Eu participei da maratona de acrósticos. 

“VEM COMIGO” VENHA VOCÊ TAMBÉM!

EDVALDO ROSA
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 21/03/2006
Reeditado em 28/03/2006
Código do texto: T126330
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Edvaldo Rosa
São Paulo - São Paulo - Brasil, 55 anos
1727 textos (173696 leituras)
23 áudios (10645 audições)
35 e-livros (8977 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 08:42)
Edvaldo Rosa

Site do Escritor