Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A FELICIDADE

Às vezes fico pensando. Ser

Feliz como é mesmo isso?
É sentir-se alegre, cheio de amigos,
Ler um livro ou ver um bom filme.
Impressionante, o que pra uns é bom
Com outros, a mesma coisa já não funciona.
Impõe-nos ser feliz a qualquer preço,
Damos saltos, viramo-nos do avesso,
A qualidade de vida nem importa tanto se
Do nosso jeito, buscamos a tal felicidade.
E ainda dizem, é fácil, cada um vai achar a sua.

Dos tipos de pessoas, que existem,
Umas poucas conseguem a felicidade plena, o
Restante fica mesmo correndo em círculos,
Atrás do que nunca sentiram.

Pois é, mas eu por um curto espaço de tempo,
Ouvi, vi, até deitei com a felicidade,
Uma, que queria que durasse pra sempre,
Como sei, que ser feliz eternamente é
O mesmo que achar, que não morremos...

Ainda bem que a minha teve um fim!

Mas, vou sentir saudades sim, conter a
Implacável vontade, de senti-la nos braços,
Nos sorrisos daqueles dias ensolarados,
Homem-mulher entrelaçados, na mais
Alta companhia!

Dois dias, será mesmo esse
O tempo da felicidade?
Isso me parece até covardia,
Se eu pudesse, queria que fosse eterna,

Daquelas que não passam nunca.
Iscas para isso eu joguei, como estou fazendo
Agora, só dependo da outra metade, pra
Sermos felizes para sempre, como fomos, naqueles dias! 





EU ESTOU CONCORREENDO A MARATONA DE ACRÓSTICOS,
VEM VOCÊ TAMBÉM!

paulo cesar coelho
Enviado por paulo cesar coelho em 28/03/2006
Reeditado em 24/07/2013
Código do texto: T130050
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
paulo cesar coelho
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
2589 textos (469892 leituras)
57 áudios (6064 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:50)
paulo cesar coelho

Site do Escritor