Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Inconstância do Existir

Alma que habita o corpo em sua jornada;
Ilumina o caminho da vida em suas etapas;
Nasce e cresce de forma dinâmica  e inesperada;
Conferindo a cada ser a unidade que escapa.
Os rostos de máscaras gélidas escondem o calor;
Na mente fervilha a energia dos átomos da criação;
Sentindo na origem um vazio de horror;
Tendendo ao caos como as chamas de um vulcão.
A máquina do tempo se esconde no pensamento;
Nela o grito do silêncio é ensurdecedor;
Chama viva que não se apaga em nenhum momento;
Insuficiente para explicar o sentido do amor.
Aquela rocha é fogo, é água, é ar;
Dunas de areia que se movem sem parar;
Oscila as formas de um eterno despertar;
Explicando o tudo a partir do nada a pairar.
Xuá da magia do divino existir;
Incumbência de integrar-se ao universo;
Ser todas as coisas nesse eterno por vir;
Teatro eterno de infinitos versos.
Integrada cadeia genética de combinações eleitas;
Relações tão antigas de um Ser Perfeito.
                 Aline Cristina C. de Oliveira
Foca
Enviado por Foca em 02/04/2006
Código do texto: T132345
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Foca
Rio Grande - Rio Grande do Sul - Brasil, 34 anos
1115 textos (70979 leituras)
7 áudios (716 audições)
3 e-livros (156 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:22)
Foca