Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Acróstico XII


Por ti, talvez, a Nona Sinfonia...
As rosas, o céu, por ti, talvez...
Tu trazes, em ti, essa magia
Repleta das belezas que Deus fez.
Impões a eternidade sobre um mês;
Cintila, em ti, a luz da estrela guia,
Intensa luz azul que tu não vês
Assim como eu te sei na poesia.

Por ti, talvez, as luas sejam quatro,
As quatro estações, também, por ti.
Talvez, por ti, o esplendor dos astros
Repletos de esmeraldas e rubis;
Idílios musicais, canções, sonatas,
Cantigas em serenas serenatas,
Incrédulas roseiras a florir;
Amor amando, em mim, talvez, por ti!
Vaine Darde
Enviado por Vaine Darde em 13/06/2006
Código do texto: T174548

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vaine Darde
Capão da Canoa - Rio Grande do Sul - Brasil
543 textos (83363 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:23)
Vaine Darde