Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

JANELAS D'ALMA!

Abra as janelas, coloque algumas flores
Belas de qualquer cor, vermelhas, amarelas
Rosas, não importa...
Abra também a porta do corpo e da

Alma que está fechada por tantas desilusões pela vida a fora...
Sinta o perfume, as cores, sinta a luz do amanhecer

Junto ao corpo, aquecendo, iluminando
A alma, colorindo, dando sentido a  vida.
Não deixe fechada, nenhuma saída,
E jogue fora, as coisas pequenas, que não sirvam mais,
Embrulhe, amarre e que fique tudo ali para sempre.
Liste as prioridades, siga a intuição e com toda
Autoridade, diga não!
Siga com cabeça erguida,

Deite a consciência na tranqüilidade da vida,
E mostre o corpo forte, vá a diante, enfrente todas as

Suas dificuldades, todas as diferenças, todas as angustias,
Uma por uma, descarte tudo, livre-se do peso imenso que entristece,
A hora é essa!

Abra, mas, escancare mesmo, o coração para vida, não ponha
Limites, quanto mais cor, quanto mais luz, quanto mais amor,
Muito mais vida, aproveite viva!
Aplique as sabedorias, empolgue-se, acredite...

Ponha amor em tudo que fizer,
E procure sentir felicidade em tudo que foi realizado,
Ria do que não deu certo, mas faça. Re-faça
Muitas vezes, quantas forem necessárias, o
Importante é que não desista nunca da
Tua vontade! Use o que já  sabe
Agora, não espere pela muita idade,

Queira tudo nesse momento, você pode!
Uma flor, um carinho, uma saudade é tão pouco
Então, o que está esperando, é hora,

Agarre-se com a felicidade!

Viva a vida com menos compromissos, menos
Impossibilidades, troque tudo, simplesmente por um viver
De maneira mais simples, menos escravo da novidade, mais
Amizade, mais conversas, mais alegrias!

Encontre a sua felicidade, que certamente é diferente da minha,
Não esquece, cada um tem um jeito de ser feliz,
Tanto faz, qual seja a sua,
Resgate a chance, use e abuse da inteligência, sorria
E seja feliz todo dia!

Não espere nada cair do céu,
Espere sim a hora certa,
Lembre-se, aproveite cada momento,
Abra as janelas e todas as portas, as entradas e saídas,
Saiba o que não deva mais guardar, pra dar lugar, a coisas realmente boas!


paulo cesar coelho
Enviado por paulo cesar coelho em 17/07/2006
Reeditado em 04/05/2011
Código do texto: T195860

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
paulo cesar coelho
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
2587 textos (469366 leituras)
57 áudios (6063 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:33)
paulo cesar coelho

Site do Escritor