Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pintura bonita


A cor do meu atelier cega os olhos
Nele escondido, minha obra rasurada
Sem cor, sem tela, sem vida e sem nada
Mesmo ao fechar a cortina
Minha obra parece sem graça
È como a arte nos parece sensata?
Com o bonito dos ricos
Alimentamo-nos a mesma mesa
Sem medir esforços
Cantamos a Música de uma nação
Com braços dados ou não
Viramos amigos na ocasião
Heis a própria contradição!
rdeorristt
Enviado por rdeorristt em 19/07/2006
Código do texto: T197068
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
rdeorristt
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
153 textos (5539 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:33)