Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Homenagem a Lahaina

Nesta sequência, mais excelência: -




Lamento descobertas sensuais na minha morada,
A minha paixão, tem as estações da vida
Havendo mesmo amor silencioso, promessas de nada,
Arte milenar, fica nas minhas mãos escondida.
Indiferente! Quando a minha hora chegar,
Num caminho incerto será a minha partida.
Abandono a imperfeição, quero apenas um olhar!
Zé Albano
Enviado por Zé Albano em 01/11/2007
Código do texto: T719316
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zé Albano
Portugal, 66 anos
1190 textos (81433 leituras)
9 áudios (640 audições)
1 e-livros (93 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 15:45)
Zé Albano