Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Hetero sexual!

N’alma uma borboleta ferida,
Imperfeita, como quase tudo na vida. Mas,
Zeus com certeza diria...
Impossível beleza maior!
Abre teu sorriso, mostre tua magia,

Dê a minha vida um colorido especial,
Os jeitos de menina que encantam... E em,
Sentir a mulher... Nada me anima tanto!

Meus sonhos de menino,
Entre os teus sentimentos, vão surgindo,
Uai! Quanta emoção!
Seja a Mulher-Borboleta-Mineira, desse amor tão lindo.

Serei eu, o teu amor mais forte, maior...
Ontem, hoje e pra sempre!
Não quero, um simples encontro,
Hetero sexo, êxtase e muito mais eu quero...
Olhos nos olhos, bocas em bocas... E,
Sonhos lindos pra se viver... Amor eterno!




EU PARTICIPEI DA MARATONA DE ACRÓSTICOS,
VENHA VOCÊ TAMBÉM!













paulo cesar coelho
Enviado por paulo cesar coelho em 21/12/2005
Reeditado em 23/03/2006
Código do texto: T88977

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
paulo cesar coelho
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
2589 textos (470359 leituras)
57 áudios (6064 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:46)
paulo cesar coelho

Site do Escritor