Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Animais idosos!

Animal idoso

   Assim como a longevidade dos homens vem sendo aumentada, à dos animais de estimação também vem sofrendo alterações e isso se deve principalmente  em ambos os casos, aos avanços  tecnológicos  obtidos na esfera  da ciência médica, na tecnologia de alimentos e conscientização por parte da sociedade, da necessidade de mudanças de hábitos     alimentares, assim como, exercícios  que mantenham nossos órgãos em perfeito funcionamento.

  No caso especifico dos animais, podemos dizer com      segurança que a maior longevidade se deve, as rações balanceadas e o interesse da  indústria farmacêutica em investirem em pesquisas à procura de novas drogas para tratamentos, mas, principalmente na conscientização de seus proprietários da necessidade de visitas periódicas ao médico veterinário.

  É lógico que com o aumento da quantidade de vida que pessoas e animais vem experimentando, também começa haver com mais frequência, a procura aos consultórios médicos e veterinários por pacientes, queixosos de dores articulares, dores musculares, osteoporoses ou enfermidades ainda mais complicadas como: As doenças cardíacas, arterioscleroses, diminuição do metabolismo cerebral, que reduzem  consideravelmente, a qualidade de vida desses pacientes.

  Temos que nos manter sempre alertas, para as queixas  dos nossos familiares idosos e procurarmos dar mais atenção à suas necessidades.
  No caso dos animais e principalmente no caso dos cães, dificilmente vamos notar suas angustias de dor, isto porque os cães dificilmente demonstram aos seus donos, que estão sentindo dor e quando o fazem, geralmente  não são  bem entendidos por nós, de modo que na maioria das vezes acabam mesmo, quietos num canto com  seus sofrimentos.

  Ciente da dificuldade que os animais possuem em demonstrar
suas necessidades médicas,  aconselhamos  que as consultas
à veterinários, ocorram com mais freqüência em animais maiores de 8 anos, pelo menos três vezes ao ano.

  No consultório, o veterinário inspecionará o paciente,  buscando evidenciar sinais de patologias bucais, presença de cataratas, auscultará coração e pulmões, inspecionará as mamas à procura de tumorações inicias e gânglios linfáticos, observará ganhos ou perdas de peso repentinas, aumento da  necessidade de ingestão de água, inspecionará pele e pelagem,  assim como glândulas salivares e perianais.

  Os exames de rotina também deveram ser solicitados, principalmente o parasitológico de fezes, hemograma, uréia e glicose. O eletrocardiograma uma vez por ano e a ultra sonografia total de abdome, com especial atenção à próstata no caso de machos.
   
   Nós somos para os idosos, sejam eles animais ou pessoas, os únicos em quem eles possam contar, para eles a pior dor, não machucará MAIS, do que a dor da decepção pelo descaso, daqueles à quem eles tanto amaram.

paulo cesar coelho
Enviado por paulo cesar coelho em 06/02/2006
Reeditado em 22/04/2009
Código do texto: T108613

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
paulo cesar coelho
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
2588 textos (469782 leituras)
57 áudios (6063 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:26)
paulo cesar coelho

Site do Escritor