Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Elemento Fogo

                            Elemento Fogo


Fogo pode ser entendido como esse fogo comum, que nossos sentidos percebem queimar e que certamente nossos ancestrais primitivos o devem ter percebido em situação de mistério e medo, ao serem surpreendidos: com raios incendiando pedaços de floresta; fogo surgindo na superfície de jazidas de petróleo; e vulcões entrando em erupção.

Esse fogo é sempre resultante da presença de uma energia ativadora (o calor ), o combustível (aquilo que queima, como a madeira), o comburente (que permite a queima, como o oxigênio).

Foi longo o intervalo entre o  tempo em que os primitivos levaram  para perceber, para descobrir o fogo  - 250.000 anos atrás – e o tempo para conseguir produzi-lo, acendê-lo  - 7.000 anos a.C. -  por um processo de fricção de pedaços de madeira ou de pedras.

Nesse grande intervalo da história da humanidade o grande aprendizado sobre as propriedades inerentes ao fogo: calor e luz , e sobre a capacidade de alguns materiais pegarem fogo.

O fogo foi a primeira fonte de energia descoberta e conscientemente controlada e utilizada pelo homem.
No decorrer da historia, o homem encontrou várias formas para utilizar o fogo: luz das cavernas; sentinela de acampamento, onde homens dormiam ao relento; clarear a terra para plantio; preparação de alimentos; produção de cerâmicas de barro; transformação de minérios em metais;produção de ligas desses metais; fogueiras festivas como as de São João; e fogueiras aterrorizantes como as da Inquisição.

Fogo pode ser entendido como a grande fonte de luz e calor responsável pela manutenção da vida na Terra, o Sol.

Todas as atividades humanas requerem energia. Menos de um terço da energia consumida pelo homem, em todo o planeta, seria suficiente para ferver as águas do Amazonas.

A fonte dessa enorme quantidade de energia consumida é o Sol.

Quando nos alimentamos, estamos procurando repor as energias que gastamos em nossas atividades diárias.

Os alimentos contêm uma energia que é parte da energia emitida pelo Sol. A energia presente na carne do boi provém do capim que o boi comeu. Para crescer o capim é necessário o Sol.

Quando nos alimentamos de arroz, feijão ou frutas, também estamos aproveitando a energia do Sol que esses vegetais conseguiram acumular.

São os raios do fogo solar que mantém a vida. Além disso, a energia solar está sendo cada vez mais utilizada como fonte alternativa de energia.
Também o Fogo pode ser entendido como nas reflexões filosóficas do grego Pitágoras (580 – 489 a.C.) para explicar a origem do Cosmos. Acreditava ser o Fogo o elemento sutil que alimentaria todo o Universo. Havia muita propriedade nesse pensamento de Pitágoras, pois o Sol que nos mantém é naturalmente fogo. Também a filosofia grega relacionava a faculdade moral dos homens com o fogo.

Existe o fogo dos alquimistas, que conseguiam utilizando o elemento fogo transformar metais como o ferro e o chumbo em Ouro.

Para alguns esotéricos existe o Fogo Sagrado, do qual suas centelhas, chispas divinas são o fogo interior invisível que permanece aprisionado nas celas densas dos veículos físicos humanos até que estes se iluminem por meio desse calor e dessa luz interior.

O Fogo aparece em sentido figurado nos versos de poetas: o fogo das paixões. Como disse Camões : “amor é fogo que arde sem se ver.....”

 Alem desses diversos entendimentos do termo Fogo, em Astrologia existe aquele que o define como um  dos quatro elementos, ou seja aqueles que representam as características e natureza do signo.

Os astrólogos ao fazerem o Mapa Astral encontram nesses elementos uma grande ajuda para definir as características de uma pessoa.

Os signos de Áries, Leão e Sagitário tem como elemento o Fogo.

A natureza humana é influenciada pelas propriedades inerentes ao fogo: luz; calor; elemento transformador; e necessário e imprescindível para a manutenção da vida.
Aqueles que nascem sob um signo de elemento Fogo são portadores de um brilho próprio; inovadores; ardentes no amor; com muita iniciativa; otimistas; extrovertidos; impacientes; voltados para o futuro; inflamáveis; e explosivos. Correm o risco de queimarem-se com o próprio fogo.

A maior compatibilidade nas relações é com os nascidos em signos de Ar: Gêmeos; Libra: e Aquário, pois a água pode apagá-lo e a terra sufocá-lo.

O Ar contém o Oxigênio sem o qual o fogo não existiria, por outro lado o calor do fogo expande o ar formando as correntes. É uma relação não só compatível como construtiva.

 “Fogo” são rimas que tentam registrar aquilo que é de conhecimento de todos: “o Fogo é de extrema necessidade para o homem, porém é também um elemento perigoso se estiver fora do nosso controle, podendo causar danos irreparáveis”.

OBServação: Texto organizado com base em pesquisa bibliográfica e em pesquisa já realizada para organizar os artigos sobre os signos.
Fogo



Luz., em tochas, nas cavernas,
fornos de transformação
de minérios em metais
e do trigo no pão.
No São João, brilho das festas
e trevas no terror da Inquisição.
Chamas do andar da civilização.

Do universo é semente,
na antiga sabedoria.
o Fruto-Sol é o Regente
e chamas da energia da vida.

Se sagrado, é Serpente,
quieta, como em oração,
agita-se com o bem em nossa mente,
em chamas da iluminação.

Se Fogo for o Elemento
do Signo de nascimento:
Áries, Leão, Sagitário,
então é pro futuro voltado.
Ardente quando ama,
e perigoso se desajustado.
Chamas da natureza humana.


Outros endereços relacionados aos Elementos da Natureza
Água - HTTP://WWW.recantodasletras.com.br/e-livros/1389854
Ar - HTTP://WWW.recantodasletras.com.br/e-livros/1390977
Fogo - HTTP://WWW.recantodasletras.com.br/e-livros/1392630
Terra - HTTP://WWW.recantodasletras.com.br/e-livros/1395049

Para Acessar: marque o endereço escolhido. Clique com a tecla direita do "mouse". Tecle com a esquerda na opção "pesquisar http:..."



J Coelho
Enviado por J Coelho em 26/10/2008
Reeditado em 27/08/2011
Código do texto: T1249489
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
J Coelho
São Lourenço - Minas Gerais - Brasil, 74 anos
396 textos (334746 leituras)
232 áudios (8740 audições)
234 e-livros (13711 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/11/14 11:50)
J Coelho



Rádio Poética