Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TANTA ESPERANÇA NO NOVO MILÊNIO!

Prestamos mais atenção em certos fatos e menos em outro, existem motivos. E muitas vêzes nem depende da nossa vontade; um assunto de suma importância pode virar banalidade, ou vice-versa. Depende muito de cada consciência e mais ainda da cobertura de comunicaçãp (Rádio, TV., Jornais, e Revistas), dão ao assunto em questão, a atenção da população se atrai para as questões claras de caráter Nacional, como: Impeachment, CPIs dos Corrêios, dos mensalões e tantos e tantos outros escândalos nas dimensões, Federal, Estadual e Municipal, não é nenhum desses três poderes que vêm a democracia; ela germina de um processo grávida-torio de uma construção organizada da sociedade, sendo um atributo da pessoa que tem garra e condições para exercer esses deveres que podem fazer acontecer seus direitos, que póstos em práticas, sejam respeitados.

Estávamos ansiosos para a chegada do novo milênio, é com ele viria a esperança, a paz,, unidade, a ética na política e a própria democracia, quais nós enchiam de esperança.

E vergonhoso afirmar que quase nada mudou; ás trapaças são as mesmas, os roubos do dinheiro público aumentaram em todas as circunstãncias, quadrilhas organizadas...

Nós, o povo onde ficamos?

Acredito que colaboramos com essas mazelas política, no nosso Município, no Estado e no nosso País. Pois bem, existem em cada cidade os Conselhos Municipais: Escola, Saúde, Cultura, Segurança, Idoso... Será que nos os Conselheiros estamos aptos para exercer nossas funções, ou será que gostamos de brincar dessas ONGs. A lei diz que os projetos devem passar pelo Conselho para aprovação.

Quando eu leio no Jornal que dezenas de escolas da Grande Vitória burlaram Notas Fiscais; Postos de Saúde fraudaram as notas na compra de remédios com preços superfaturados, acredito que nos, do Conselho, também, deveriamos ser responsabilizados por desvio de dinheiro público, embora não tivessemos proveitos pessoais, mais, por que ficamos indecisos nos questionamentos: Para que isso? Para que aquilo? Queremos ter indimidades com as Notas Fiscais, etc. etc...Creio ainda, que nos, os Conselheiros devemos adquerir maiores informações, ler mais, promover reuniões de formação da Equipe, organizar um seminário de aprendizagem, e, além disso, cobrar as reuniões mensais do Conselho Municipal de Saúde.
Alci Santos Vivas Amado
Enviado por Alci Santos Vivas Amado em 09/05/2006
Código do texto: T153211

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alci Santos Vivas Amado
Mimoso do Sul - Espírito Santo - Brasil, 71 anos
238 textos (31004 leituras)
2 e-livros (136 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:02)
Alci Santos Vivas Amado