Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Líder ou inimigo?

Amanheceu, na avenida, que cortava  a periferia, veículos em disparada e o trânsito fluindo livre. Próximo a centro da cidade era só  ansiedade e no calor enfadonho  ia-se  atrás  da  realidade para sobreviver. Sobre o asfalto mal recapeado batiam  chassis deixando o condutor de olhar mal humorado, à frente, como  antes,  um carro capotado e  no corpo ensangüentado estendido no chão o médico lutava para vida retomar sua plenitude..
Quando terminava de passar pelo local do acidente, estarrecidas as pessoas se perguntavam: - Puxa vida, onde vamos parar com tanta violência?! Minutos depois a emoção havia ido para o espaço, diluida pelo vento como fumaça e a vida voltava, aparentemente, ao normal.
No esquecimento talvez a cena tivesse caído, pelo menos, até que se deparassem com outra que provocasse  igual ou maior sofrimento. Ao passar a dor desse sofrimento cada um que a cena via morria um pouco mais sem se atinar, sem se dar conta de que seu tempo de vida diminuía e, o pior, vivia-se menos e sem a mínima qualidade de vida.
Pois acordar de madrugada, enfrentar a condução abarrotada, deparar-se com cena de morte no asfalto, almoçar fora de horas, aturar o chefe chato e exigente, que se dizia líder de equipe e que na verdade não passava de um bronco, que só sabia dar tarefas e cobrar, que nada ensinava e junto com a equipe não trabalhava, nada mais era que uma árdua luta contra o inimigo.
Era preciso mesmo de um bela reciclagem para atualizar seus conhecimentos e aprender que o líder não era aquele que só sabia dar e cobrar tarefas, mas,sim, aquele que ensinava e junto com a equipe trabalhava para que a empresa pudesse gradualmente se prosperar.
O chefe que se intitula líder precisa atentar que  no trabalho do dia-a-dia numa empresa precisa de amigo para ajudar e não de um inimigo para atrapalhar, precisa saber antes de tudo que o ensinamento e o aprendizado fazem parte da sabedoria e que só dar e cobrar tarefas cria nada mais, nada menos que inimigo que pelas avenidas esburacadas e violentas da vida está cansado de chorar de tanto sofrer
R J Cardoso
Enviado por R J Cardoso em 29/06/2006
Reeditado em 30/06/2006
Código do texto: T184538
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
R J Cardoso
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3128 textos (79564 leituras)
2 e-livros (393 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:30)
R J Cardoso