Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SER FELIZ É QUESTÃO DE ESCOLHA

Hoje, durante a tarde modorrenta de um sábado de sol de inverno, eu via na net um belo programa com a Paula Saldanha sobre a Serra dos Órgãos, um dos points de turismo ecológico no Rio de Janeiro. Que bem estar um documentário como aquele tem a capacidade de nos proporcionar num sábado de descanso! Porque me evocou meus próprios tempos de montanhista, nos quais todo fim de semana só fazia subir e descer serras, desbravar trilhas, sentir o magnífico cheiro úmido da floresta fechada, ouvir o cantar dos pássaros exóticos nas maiores alturas, vendo as mais curiosas flores, as mais belas borboletas - eu mais um grupo ótimo, de umas vinte a trinta pessoas reunidas pela equipe de montanhismo da Light...

Tempos belos, aqueles! A forma física andava incrível! Eu dava na maior moleza duas horas diárias de bicicleta ergométrica, todos os dias, ao som das baladas dançantes de Lulu Santos, nas férias, ou quando retornava do trabalho. Depois, a chuveirada, e lá estava eu lavada de alma e de corpo! Pronta pra outra! E no fim de semana seguinte, lá ia eu e a minha turma para a serra de Grumari, para Agulhinha da Gávea, onde assistia os lindos saltos de asa delta; num outro mês, a inesquecível expedição a Fernando de Noronha - mais sonho, mais céu, sol, mar, mergulhos de profundidade e de superfície!

Como o contato direto com as coisas de Deus nos renova! E tudo tão próximo e fácil! E ainda há alguém que diga não se deleitar com o extrato da Vida, com o que ela nos oferece de mais belo aos sentidos, aos sentimentos, ao espírito, ao olhar! É senso comum que qualquer viagem logo ali, desde que possibilitando contato e convivência com os paraísos naturais, é um banho de descarrego - voltamos lindos, limpos, leves e soltos como um pássaro!

Como disse, naqueles tempos eu parecia um cabrito montês, pra cima e pra baixo nas trilhas, caminhadas, e até em breves escaladas...O tempo passa, as coisas se modificam...As trilhas, as subidas e descidas agora são outras. Mas estou certa de que são o resultado do meu melhor aprendizado daqueles anos: a vida é nossa própria criação! Se hoje não disponho mais de tanto tempo para os esportes do ecoturismo, vejo outros horizontes através do que crio, no meu próprio dia-a-dia. Desbravando alternativas que me possibilitem não apenas olhar, assistir ao que os outros fazem, ver a vida passar - mas fazendo acontecer!

Carpe diem! Criar! Buscar panoramas novos, modificar para melhor as realidades, situações que me possibilitem a satisfação do bem estar não só para mim, mas para os que me rodeiam!

Através das palavras escritas, paisagens, sentimentos e belas emoções para aqueles que me lêem; forjando lindos momentos em conjunto com as minhas afeições; criando razões para sorrir e rir sempre, superando assim, com maior facilidade, os desafios ou eventuais contrariedades cotidianas. Sabendo catar e achar em volta as bençãos da claridade solar, do azul do céu, do verde das montanhas magníficas que avistamos de todo o Rio de Janeiro, dos bons e deliciosos momentos da vida, enfim, num eterno mergulho para oceanos de felicidade cada vez mais renovados, mais fecundos, mais autênticos, e a cada dia mais profundos...

Ser feliz é questão de escolha.

Com amor,

DIREITOS AUTORAIS RESERVADOS. PROIBIDA A REPRODUÇÃO, CÓPIA OU PUBLICAÇÃO SEM A AUTORIZAÇÃO EXPRESSA DA AUTORA.
Christina Nunes
Enviado por Christina Nunes em 08/07/2006
Reeditado em 26/09/2006
Código do texto: T190098
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Christina Nunes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
569 textos (125860 leituras)
8 e-livros (5720 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 05:52)
Christina Nunes