Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Marcas



Trazemos embutida em nossa constituição física, uma infinidade de características que são peculiares à nossa grade familiar. Recebemos dos nossos antepassados mais que o nosso DNA, herdamos também características impares que fazem parte apenas desses nossos laços familiares. A cor dos nossos olhos e dos nossos cabelos, o tom de nossa pele, nosso modo de andar e de falar, nossa altura e a nossa massa corpórea, entre muitas comparações é comum dizer que o filho é parecido com o pai ou então que tem os olhos do avô. Portanto, todas essas características são marcas que servem para designar e diferenciar as raças e as linhagens das famílias humanas. Contudo, esses detalhes em hipótese alguma não nos tornam iguais. Mesmo os gêmeos univitelinos, aqueles que possuem o mesmo genoma, apresentam diferenças físicas e psíquicas adquiridas em processos distintos de desenvolvimento.

Além das marcas características herdadas, outras marcas que receberemos durante nossas vidas também devem ser levadas em consideração. Na verdade essas são as marcas que ajudaram a formar o nosso caráter e por sua vez determinar a nossa conduta.

Distribuímos e assimilamos muitas marcas pelas pessoas que cruzam nossos caminhos. E mais do que receber fica sempre a curiosidade, do tipo de marca temos deixado por ai. Há pessoas que realmente nos marcarão pelo resto da vida e em contra partida também ficaremos na historia de outras, forçando assim um equilíbrio em nossa existência.

Algumas pessoas definitivamente por onde passam deixam a marca de serem alegres e extrovertidas, deixam, a marca do bom humor e cativam assim a admiração dos que se aproximam de sua vida ou fazem parte do seu dia a dia. Outros teem como marca registrada, um comportamento confuso e instável, sem imprimir a devida convicção naquilo que realmente se propõem a fazer, sendo assim, ficam marcados de forma negativa, pois não conseguem ser uma coisa e nem outra.

Tenho o privilégio, de ter um amigo PHD em sorrisos e que afirma, que nossa geração, é uma geração absolutamente privilegiada, pois temos muitos recursos nas áreas de tecnologias, conhecimento muito avançado na medicina, acesso a muita informação e que por isto temos a obrigação de nos doarmos mais, de nos interagirmos mais.

Definitivamente ele tem razão. Nossa geração esta marcada pela rapidez nas informações, na locomoção, pela facilidade na resolução dos problemas. Porem, não podemos perder de vista as nossas marcas, a marca pessoal de cada um, afinal, não podemos nos esquecer de que somos seres humanos e precisamos ser mais coração e menos maquina, ter mais paixão pela vida e não apenas deixar a vida nos levar. Não podemos nos esquecer que pertencemos a um grupo familiar, que há pessoas em nossa volta, que todos nós temos objetivos e sonhos na alma e assim somos motivados a continuar caminhando pela vida em busca de nossas realizações.

Impreterivelmente em nossa caminhada pela vida, cruzaremos constantemente com muitas pessoas, muitas delas feridas, magoadas e entristecidas, todas marcadas por situações vividas nos mais diversos tipos de ambiente. Algumas com marcas profundas outras apenas superficiais. Assim, como meu querido amigo, também acredito que seja o nosso dever, redobrarmos os esforços para reverter este quadro, a partir do que vamos aprendendo e compartilhando, exercendo um constante processo de trocas, substituindo aos poucos, nossas velhas marcas por novas.

Amigo leitor! Quais as marcas que temos deixado por ai?

Pensemos nisso!


Reginaldo Cordoa, futuro Administrador de Empresas e Apaixonado pela Vida.
02/08/2006

Reginaldo Cordoa
Enviado por Reginaldo Cordoa em 10/08/2006
Código do texto: T213410
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Reginaldo Cordoa
Matão - São Paulo - Brasil, 46 anos
95 textos (23233 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 14:06)
Reginaldo Cordoa