Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

De olho nas urnas

Vigiem as urnas antes que seja tarde.

   Numa época em que violadores de painéis eletrônicos do Senado se afastam da mídia temporariamente (para depois voltarem com mais avidez ao pote), ficamos estupefatos nos imaginando meros imbecis portadores de títulos eleitorais que nos parecem apenas existirem para que ganhem dinheiro com uma possível 2a. via, para avaliar quantos trouxas deixaram seus afazeres para uma cruzada cívica inútil de um dia a cada quatro anos e para justificar a montagem de um sistema eletrônico suspeito de coleta e contagem de votos que gera lucros fabulosos aos contratantes de tais serviços terceirizados. Que segredos se escondem por trás dos programas que registram os votos e dos que contabilizam os mesmos? Que meios existem para conferirmos a lisura do pleito? De que adianta escolhermos candidatos (ainda há o que escolher?) se não temos garantia de que serão empossados em caso de vitória? Quem garante que nosso voto NULO será contabilizado para a pasta "Não queremos mais vocês"?
   Portanto, o mais importante antes de tudo, é garantirmos que tal evento não continue sendo manipulado por quem domina a máquina administrativa. Chega de sermos apenas palhaços no picadeiro destelhado que ocupa todo nosso território. Temos de acompanhar, cobrar, pressionar, protestar e fazer panelaços em prol da verdade das eleições. Você está convidado a entrar no

 site ... www.votoseguro.org

pelo menos duas vezes por SEMANA e acompanhar todas as notícias que envolvem nosso futuro.

   para dar maior seriedade ao processo eleitoral, seria conveniente que:
a) todas as urnas pudessem imprimir e armazenar os votos (isto é consenso até entre os catadores de lixo);
b) conferência manual de um percentual de urnas a serem ESCOLHIDAS pelos partidos que se considerem lesados (algum já fez esta proposta?). Isto seria realizado entre os 15 dias subseqüentes ao final da contabilização eletrônica, sem pressa. Dentro deste período, seria possível conferir entre 5% a 10% das urnas. Neste intervalo, poderiam ser utilizados voluntários entre vários segmentos da sociedade, além de estudantes que tivessem concluído a faculdade nos últimos 2 anos e que ainda não estivessem trabalhando. Seria mais uma oportunidade de lhes incutir o espírito de cidadania tão escasso hoje em dia entre nós e acostuma-los a tomarem conta da sociedade da qual são participantes interessados pois o futuro deles depende dos honestos(?) representantes que serão empossados nas diversas câmaras do país no próximo janeiro.
Haroldo
Enviado por Haroldo em 11/08/2006
Código do texto: T214351
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Haroldo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 71 anos
678 textos (24821 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:27)
Haroldo