Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUANDO ACORDAM... OUVEM A VOZ DA BABÁ

 DIGA NÃO A TERCEIRIZAÇÃO
Durante décadas as indústrias cresciam, tornavam grandes empreendimentos. Para produzir uma geladeira, o fabricante, produzia o motor, a borracha da porta, o gabinete, os materiais elétricos etc. Mas com o aumento da produção, foi ficando inviável, fabricar as peças menores. Daí, começou a aparecer às fábricas de peças menores, que dá suporte, as grandes indústrias das marcas famosas. A industrialização dos produtos deu agilidade, e qualidade aos produtos industrializados. Esse processo em que as grandes indústrias forma parceria com empresas menores, que fabrica peças de reposição é conhecido como a terceirização. A terceirização virou moda no setor industrial, hoje estende as grandes empresas nos setores de serviço e comércio.
Nota-se, que esse fenômeno que aconteceu nas empresas, começou ser praticado na família. Pais que não encontrando mais tempo, para educar os filhos, acabou por terceirizar a formação, ética e moral dos filhos para as babás, para os educadores nos colégios e também permitiu que a televisão, com toda a sua gama de apresentadoras e desenhos animados formem o caráter e o vocabulário dos filhos. Terceirizar filhos é prejuízo, para os pais,  filhos e sociedade.
A Bíblia Sagrada, que é um manual de sabedoria milenar, tem conselhos e orientação aos pais de como educar os filhos. Uma importante orientação da Palavra de Deus é que os pais devem conviver (viver juntos) com os filhos. O escritor sagrado diz: “Ensine-as (palavras ditas por Deus) com persistência a seus filhos. Converse sobre elas quando estiver sentado em casa, quando estiver andando pelo caminho, ao deitar e ao levantar” (Dt 6.7). O Deus altíssimo ensina aos hebreus, que Ele é o único Deus. Dá aos pais a responsabilidade de ensinar a seus filhos esse mandamento. As palavras: sentado, andando, deitar e levantar; enfatizadas no texto, trazem a idéia de educação através da convivência. Os pais ensinam os filhos através da vivência. Tudo aquilo que as crianças presenciarem os pais fazerem, farão também.
Sentar com os filhos, para conversar e alimenta-los, com a segurança paterna. Ensinar o valor do diálogo, para que eles não aprendam o valor da violência, ensinado pelos desenhos da tv. Andar com os filhos, ensinando o valor da companhia, para a vida humana; pois um dia essa criança será um pai, uma mãe, um esposo (a)etc. Ela precisa de uma referência de companhia hoje, para que possa ser um adulto saudável amanhã...
Pais! Os seus filhos necessitam da sua voz. Ao deitar, dê aquela "boa noite”, “durma com Deus”, “Deus te abençoe meu filho”...
Quanta beleza se tem perdido! Muitos filhos têm dormido sem a benção dos pais e quando acordam, ouvem a voz da babá.
CIRLON PEREIRA
Enviado por CIRLON PEREIRA em 12/09/2006
Reeditado em 25/09/2006
Código do texto: T238823

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (: cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
CIRLON PEREIRA
Ilhéus - Bahia - Brasil, 44 anos
208 textos (24676 leituras)
12 áudios (364 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:15)
CIRLON PEREIRA