Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

COMENIUS E A EDUCAÇÃO PARA TODOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ
CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE ALTAMIRA
FACULDADE DE EDUCAÇÃO
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM PEDAGOGIA


CASSIANE DE NAZARÉ DA SILVA OLIVEIRA


COMENIUS E A EDUCAÇÃO PARA TODOS

INTRODUÇÃO
Comenius viveu na Europa Renascentista entre os séculos XVI e XVII, é um dos grandes Cristãos que pouco se houve falar como tal. Ele foi um autor além de seu tempo, pois viveu num período de transição entre a idade média e a moderna conseguiu com precisão traduzir para o cenário educacional as mudanças políticas econômicas e sociais.
Ele conseguiu ver na escola o que muitos ainda não viram que a mesma deve despertar nas pessoas o prazer pelo estudo pelo conhecimento, pela vida.
Para o Pedagogo Comenius Teologia e Pedagogia dependem uma da outra devido a isso que Comenius enfatiza tanto a questão divina em sua obra Didática Magna, qual farei um breve ensaio e sobre a influência da mesma na sociedade atual.
CONTEXTO HISTÓRICO DO AUTOR
Comenius foi nasceu em 1592 na cidade de Nivnice, Moravia. Era de família eslava e praticante do protestantismo. Teve uma infância muito conturbada, pois perdeu sua família muito cedo aos dose anos de idade, ficando totalmente abandonado, sendo posteriormente obrigado a viver com tutores muito rudes. Aprendeu as habilidades da escrita, da leitura e do calculo na escola dos irmãos Morávios. Na sua juventude seu modelo escola foi desestimulador devido tanta rigidez daquela época. Teve grande interesse pela teologia, curso no qual se formou, era um protestante e por isso teve que fugir para Polônia com a imposição do catolicismo na Alemanha, foi o que deu impulso para escrever obras pedagógicas e filosóficas propondo idéias radicais e sempre exaltando o criador. Não podemos desvincular o que uma pessoa faz, da sua filosofia de vida, seus ideais, sonhos, frustrações e experiências. Sua obra deve ser analisada no contexto em que surgiu: o Renascimento e a Reforma religiosa.
A EDUCAÇÃO EM COMENIUS
Comenius uma Voz quase solitária em seu tempo, defendia, fazendo sempre uma transição com natureza, a escola como um “locus” fundamental da educação do homem sintetizando seus ideais educativos na máxima: “Ensinar tudo a todos, e que para ele significava os fundamentos, os princípios que permitiram ao homem se colocar no mundo não apenas como espectador, mas acima de tudo como ator.
O objetivo central da educação Comeniana era formar o bom cristão, o que deveria ser sábio nos pensamentos, dotado de verdadeira fé em Deus e capaz de praticar ações virtuosas, estendendo-se a todos: os pobres, os portadores de deficiências, os ricos e as mulheres.
Com relação à educação o livro Didática Magna, de Comenius, enfatiza o ideal Pansófico que se evidencia no desejo e possibilidades de ensinar tudo a todos. Isso seria a universalização do saber, todo conhecimentos com pansofia estaria harmonizado. Está necessidade se forjava e se sustentava na crença de que Deus em sua infinita bondade colocará a redenção ao alcance de todos, mas para tanto era necessário ensiná-lo convenientemente. É importante relatar que quando o autor se refere em “ensinar tudo a todos” ele quis dizer que todos deveriam ter o mesmo ensino as mesmas oportunidades, pois para o autor negar oportunidades educacionais era antes ofender a Deus do que aos homens.
Em sua obra Comenius preconiza a necessidade da instituição escolar e faz severas críticas quanto à maneira como estava funcionando. O problema não estava na instituição, mas em alguns princípios que deveriam ser melhorados ou reformulados. Essa escola segundo Comenius era enfadonha e severa e a disciplina era em excesso. Com relação a isso Comenius dá vários conselhos de como deve ser o ambiente escolar: um local arejado, um ambiente feliz com cartazes de homens que foram heróis e são exemplos a serem seguidos, e acima de tudo confortável, onde as crianças tenham prazer de estar na escola; e a relação professor aluno deve está no mesmo nível, onde o professor é o facilitador do conhecimento começando a ensinar sempre do mais fácil para o mais difícil. Pois para Comenius a escola era ineficiente e um local de torturas para a mente das crianças, castigando-as com coisas inúteis.
Segundo Comenius e educação da juventude deve estar voltada para todas as coisas que podem tornar o homem sábio, honesto e piedoso, essa formação é a preparação para a vida e deve ser concluída antes da idade adulta. E que tal desenvolva sem severidades e sem pancadas, sem nenhuma coerção, com a máxima delicadeza e suavidade, quase que de modo espontâneo. Para ele educar para vida é relacionar os conteúdos escolares com o cotidiano.
A INFLUÊNCIA DO PENSAMENTO DE COMENIUS NA ATUALIDADE
Comenius foi um dos grandes pensadores do seu tempo na sua obra Didática Magna, com um pensamento muito além do que se esperava para aquela época, Comenius modernizou a educação e seu pensamento influência até hoje na educação, em vários aspectos como: a associação do conteúdo escolar com o cotidiano dos alunos, a relação professor aluno que deve ser mais dialogada onde o professor deve um agente facilitador do conhecimento. A questão do ambiente escolar que apesar da falta de estrutura das escolas, os professores procuram manter as salas bem arrumadas e enfeitadas, principalmente na educação infantil e isso Comenius já enfatizava em seu tempo.
O ideal Pansófico que Comenius relata em sua obra é a pura organização de como está o nosso ensino hoje fundamentado em classes, por faixas de idade e os conteúdos que são passados é de acordo com a idade dos alunos, levando sempre em consideração o cotidiano do aluno.
Comenius teve grande importância para a educação, pois foi por meio dele que hoje temos um ensino mais harmonizado e mais humano, onde o aluno não está só na condição de aprendiz ele pode também interagir com o professor e o professor também aprender com o aluno.

CONCLUSÃO
A Didática Magna dentre os livros de Comenius foi à obra em que ele deu maior contribuição para a educação. Observa-se que vários aspectos podem ter influenciado Comenius a escrever tal obra, o fato de ter ficado órfão muito cedo e ter sido criado por uma família muito rígida, convém dizer que talvez por isso Comenius, escreveu sobre uma educação facílima sem severidade. O fato do autor se reportar sempre a Deus como centro de todas as coisas, se reflete no contexto em que o mesmo viveu a época da reforma protestante e o início do capitalismo. Contudo toda obra de Comenius é muito superior ao seu tempo e seus pensamentos estão presentes na educação brasileira, e se eles fossem realmente seguidos a risca, com certeza teríamos uma educação bem melhor e mais produtiva.
BIBLIOGRAFIA
Didática Magna/Comenius: Aparelho Crítico Marta Fattori. Tradução: Ivone Castilho Benedetti – 2ª Ed. – São Paulo: Martins Fontes 2002 – (Paidéia).
NRODOWSKI, Mariano. Comenius e a Educação Tradução: Alfredo Veiga Neto – Belo Horizonte 2001.
www.wikipedia.org.br – Contexto histórico do autor – acessado em 25/06/2010


 
Cassiane Oliveira
Enviado por Cassiane Oliveira em 01/08/2010
Código do texto: T2411715
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cassiane Oliveira
Altamira - Pará - Brasil, 24 anos
4 textos (13301 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/14 06:40)
Cassiane Oliveira



Rádio Poética