Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quati

Ainda tinha muitas coisas que vos escrever; não quis fazê-lo com papel e tinta, pois espero ir ter convosco, e conversaremos de viva voz, para que a nossa alegria seja completa. (2 João 1:12)

Uma das maiores editoras do mundo, esteve às voltas com um gravíssimo problema. Seu carro chefe, a revista “Quati”, estava com a publicação comprometida. A principal máquina gráfica, somente imprimia, 3 cores, quando na verdade precisava de 5, para rodar o famoso gibi semanal.

Depois da troca de e-mail e fax com o fabricante da impressora que fica na Alemanha, ligações telefônicas também se sucederam, para tentar apressar a solução do problema.

Bücher, o diretor da editora analisava juntamente com seu filho Neupress, o orçamento recebido via fax.

-- Filho, prestou atenção no quanto temos que gastar para recuperar a impressora? Olha só, os valores em euros:

2 Técnicos       8.000
Hospedagem   1.200
Peças             28.000
Custo Total     37.200

-- Pai, esse valor dá para comprar um carrinho razoável -- disse Neupress.

-- Faz seguinte: chama Marcos Ético e vamos almoçar juntos. Comeremos lá na Barra. Precisamos comemorar tanto sucesso alcançado desde sempre em nosso trabalho – sentenciou o patriarca.

-- Cícero, traz uma picanha pra mim, queijo em bola para o Ético, e maminha para o Neupress. Obrigado -- falou o dono da empresa.

-- Só um instante, que eu vou lavar as mãos. Volto já, disse Ético.

-- Seu Ético. To sentindo que vocês estão muito preocupados. Eu posso ajudar? Prontificou-se o bondoso Cícero.

Ético ria-se internamente. Cícero é uma medida gráfica e significa uma certa quantidade de furos. Ainda bem que Cícero não deixa furo – divertira-se contemplando o agradável semblante do bom garçom.

-- Cara, eu sou um homem de marketing e odeio desprezar idéias. Precisamos de 5 cores para imprimir a Quati e nossa máquina só imprime 3, o que você pensa disso?

-- Dr. imprime o gibi em 3 cores e coloca na capa assim:

Caro leitor!
Sua revista Quati será impressa esta semana em 3 cores, porque 2 foram roubadas. Ajude-nos a encontrar as 2 cores faltantes. A recompensa é este lindo carro zero e sua foto publicada na revista Quati.

-- Cícero, toma meu cartão de crédito e paga a conta. Já vamos embora.

-- Senhores – disse Ético para seus patrões: mandei cancelar o almoço. Cícero já está pagando. Hoje nós não vamos almoçar.

-- É “rúim”! disseram os donos. Fica tranqüilo, ninguém vai ter a crueldade de te demitir durante a refeição.

-- Tab Lóide, pode rodar a Quati. Deixa a capa para imprimir quando eu chegar daqui a uma hora, falou? – ordenou Marcos Ético.

Que semana mais difícil na vida profissional de Marcos Ético! Foi muito criticado pelo sr. Bücher que disse: -- caso a tua idéia não funcione, serás detonado incontinenti, verstehen sie? (entendeu) – quando a escala de aborrecimento ultrapassava os limites,  o velho falava em alemão.

-- Gente. Vamos assistir ao Jornal Racional. Estão falando das cores da “Quati“. Foi impressa em três cores e já esgotou totalmente nas bancas.

-- Ético, meu filho, manda imprimir outra edição da “Quati”, pois não tem mais nenhum exemplar nas bancas. Desculpe ter falado esquisito com você gestern (ontem). Estava dessa vez emocionado e muito arrependido o bom Bücher.

 -- Bom dia, Farbe, alguém me procurou?

-- Bom Dia, Dr. Ético, -- respondeu a secretária -- tem um senhor chamado Revelación dizendo que sabe onde encontrar as duas cores da impressora. Ele não marcou hora com o senhor. Posso agendar para daqui a 15 dias?

-- Farbe, faça-o entrar imediatamente e ligue para o sr. Bücher.

--- Giusepe Opaco, gerente de operações, desregulou as cores da impressora e por isso não estamos conseguindo imprimir o Quati por completo, Sr. Bücher – disse Ético.

Durante o infortúnio, o uso da criatividade redundou em um acréscimo de 30% nas vendas da “Quati”, cuja tiragem só tem aumentado desde então.

-- Sem problemas. Pode dar o carro de presente a este senhor. Ético, chama meu filho que nós nos devemos um almoço. Faço questão de dar uma excelente gratificação ao Cícero, que hoje comerá conosco. Nosso garçom será o próprio “maitre”, ainda que a conta fique mais cara para a Revista Quati.
Gilberto Landim
Enviado por Gilberto Landim em 16/09/2006
Código do texto: T241395
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gilberto Landim
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 68 anos
527 textos (25517 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 11:01)
Gilberto Landim