CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

A REINCLUSÃO DA FILOSOFIA COMO DISCIPLINA OBRIGATÓRIA NO ENSINO MÉDIO: UM ESTUDO DE CASO NA CIDADE DE VAZANTE/MG *

RESUMO: Este texto traz algumas reflexões que foram produzidas a partir do estudo de caso sobre o retorno da filosofia como disciplina obrigatória no ensino médio, com base na cidade de Vazante/MG. Para alcançarmos nosso objetivo, pesquisamos documentos oficiais, dados disponibilizados pelo Ministério da Educação, índices alcançados pelos alunos e escolas no Exame Nacional de Ensino Médio, Índice de Desenvolvimento da Educação Básica e o uso de questionário respondido pela Secretaria Municipal de Educação e pelos alunos contemplados com a referida disciplina.  Destacam-se também o contexto histórico do ensino da filosofia no Brasil, seu estudo no município, notas obtidas e sua relevância para um aprendizado transformador.
Palavras-chave: Filosofia. Educação. Reflexão.

ABSTRACT: This text offers some reflections that were produced from the case study on the return of philosophy as a compulsory subject in high school, based in the city of Vazante/MG. For achieving our goal, we researched official documents, data released by the Ministry of Education, indices achieved by the students and schools in the National Examination of Secondary Education, Development Index of Basic Education and the use of a questionnaire answered by the Municipal Education Secretary and students referred to the discipline.  Also, the historical context of philosophy teaching in Brazil, its study in the city, marks obtained and its relevance to a learning processor, are emphasized.
Keywords: Philosophy. Education. Reflection.

INTRODUÇÃO
Neste trabalho, pretende-se apresentar algumas considerações quanto à reinclusão do ensino de filosofia como disciplina obrigatória no ensino médio, com base em um estudo de caso no município de Vazante. Para isso, pesquisamos documentos oficiais; dados disponibilizados pelo Portal do Ministério da Educação – MEC, no qual constam notas obtidas no Exame Nacional de Ensino Médio – Enem/2008 e 2009; Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – Ideb/2005, 2007 e 2009; Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - Inep, para termos uma visão geral dos índices obtidos no ensino fundamental e médio em nível de Brasil e alcançados pelos alunos e escolas daquele município.
Com o intuído de avaliarmos o ensino da disciplina de filosofia na cidade mineira, pesquisamos as informações disponibilizadas pelo Governo e nas respostas dos questionários respondidos pela Secretaria Municipal de Educação e pelos alunos das escolas estaduais que estudam a referida matéria.
O trabalho se divide em três capítulos. No primeiro, faremos uma sucinta trajetória do ensino da filosofia no Brasil até o seu retorno como disciplina obrigatória no ensino médio. No segundo, trataremos do ensino da filosofia no município mineiro, no qual mencionaremos os vários identificadores alcançados pelos alunos e escolas no Enem; Ideb; dados obtidos nos questionários respondidos pela Secretaria de Educação e pelos estudantes. No último, discutiremos o ensino de filosofia na visão do pesquisador, sendo, dessa forma, problematizadas algumas questões sobre o estudo da filosofia e de sua importância, do Enem, da analise das informações dos questionários e dos índices dos alunos e escolas.  Por fim, pretende-se apresentar as considerações finais quanto ao ensino da disciplina naquela cidade.

* Poderá encontrar o artigo conforme segue:

CORRÊA, Rogério da Silveira . Ética na política é uma necessidade e/ou obrigação?. In: Revista de Filosofia Capital, v. 5/11, p. 77-91/ Jul, 2010.
ROGÉRIO CORRÊA
Enviado por ROGÉRIO CORRÊA em 29/08/2010
Reeditado em 02/08/2011
Código do texto: T2467186
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (* Rogério da Silveira Corrêa Membro da ACEIB - DF http://aceib-gremioliterario-df.blogspot.com/ ou http://rogerioscorrea.blogspot.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre o autor
ROGÉRIO CORRÊA
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 42 anos
255 textos (39882 leituras)
20 áudios (503 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/07/14 20:03)