Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                    O perigo da ficção virar um pesadelo real 

     O homem é um Ser racional, isto é, possui a capacidade de pensar, decidir por si mesmo, fazer opções, etc. Atributos de ser um Ser pensante. 

     Também poderíamos dizer que o Homem é Ser quase que exclusivamente guiado pela emoção. Na verdade, são as emoções que estimula seus atos racionais ou irracionais. O homem é dotado de sentimentos. É o equilíbrio entre o sentimento e a razão que produz a temperança. 

     Por um outro lado, o homem vive em sociedade, e esta sociedade que dita as regras, as condutas sociais que cada pessoa deve ter diante o coletivo. Estas regras são estabelecidas pela cultura, costumes, religiões. Enfim, o homem é um Ser dentro de um universo que segue obrigatoriamente uma regra geral. 

     Por outro lado, vemos que a arte de certa forma é uma maneira de retratar a vida, a existência que muitas vezes se conflita a sociedade. Algumas expressões artísticas é a ficção provocando discussões, procurando trazer a tona algumas realidades que é contestada pela sociedade. É uma forma usada pelo artista para levar a sociedade refletir determinados assuntos, temas e também levantar interrogações. 

     Porem, como iniciei é a sociedade de maneira geral que dita as regras sociais a serem seguidas. Em alguns momentos as expressões artísticas quando afrontam o conceito coletivo vemos o artista ser confundido com sua criação e assim, sofrer as conseqüências de sua obra ou de sua representação artística. 

     Também vermos o próprio artista ceder a sua criação e acabar por trazer o personagem para a vida real e assim, a emoção, o sentimento acaba entrando em conflito com a razão, levando o artista a atos irracionais. 

     Toda esta explanação inicial é para a reflexão de que é necessário muito cuidado quando se procura fazer arte e que nela estejam incluídas outras pessoas. Pois, pode acontecer que tais personagens tenham suas carreiras destruídas moralmente, financeiramente por uma simples interpretação. Bem como é fundamental a escolha do ator certo para fazer determinado personagem, evitando que a arte saia da ficção e transforme em um pesadelo real. 

     Já tivemos episódio  que retrata o pensamento deste artigo. Atores que contracenaram e que terminou em tragédia, onde a ficção acabou levanto a morte uma atriz, destruindo sua família bem como destruiu duas famílias tanto do ator, quanto de sua esposa. 

     Acontecimentos outros que podem ocorrer com atores, devido a determinadas interpretações ser  incorporada pela sociedade negativamente e saindo do plano da ficção, levando o ator ser hostilizado, agredido com varias perdas tanto de contratos publicitários como outros danos.
Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 30/09/2006
Reeditado em 30/09/2006
Código do texto: T253090
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 51 anos
5266 textos (1218852 leituras)
5 e-livros (11751 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 17:50)
Ataíde Lemos

Site do Escritor