Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

               A insegurança provoca o medo e restringe a liberdade 

     Um dos grandes problemas que a humanidade vem enfrentando é a questão da violência. Esta violência está relacionada tanto a violência urbana como decorre também de atos terroristas ligados as divergencias  religiosas, entre o ocidente e o oriente e agora já com o advento das armas nucleares que os paises na surdina da lei internacional estão produzindo. A humanidade está sendo instigada ao medo psicológico. E isto certamente, vem tirando pouco a pouco a sua liberdade. 

     Esta insegurança tem mudado os hábitos da humanidade e consequentemente caminhando para que se torne  violenta, perdendo assim, alguns valores tão fundamentais que é o direito a vida e a liberdade das pessoas. Cada vez mais percebemos que as medidas repressivas, as leis que instiga a violência têm sido aplaudidas pelas sociedades de um modo geral. A humanidade está aderindo a um novo apartheid entre raças, etnias, credos. Este apartheid ocorre juntamente com uma maior violência entre os seres humanos. 

     Além desta violência que vem sendo incorporado nos seres humanos, temos percebido que juntamente está havendo a perca da liberdade individual. Direitos que estão sendo suprimidos, mas que não estão sendo levados em consideração por elas próprias, pelo contrario, sentem-se satisfeitas com esta perca de liberdade desde que significa mais “segurança.” 

     Há paises europeus como a Inglaterra, por exemplo, que há uma câmera para cada quatro pessoas e, no entanto são bem aceita pelos ingleses, pois mesmo sendo monitorados e vigiados se sentem mais seguros, mesmo perdendo a liberdade. 

     Agora vemos aqui no Brasil esta intenção, pois querem monitorar os internaltas através de mecanismos como ter o cadastro (RG, CIC, telefone, endereço, etc.) de cada pessoa que acessa a internet. Embora seja uma medida de controle dos cidadãos e que parte da sociedade questiona, há aqueles que aprovam esta idéia por ver nela mais segurança principalmente contra os hackers, mesmo sabendo que estas penalidades não os atingem, por serem expert em informática e em dar golpes através da rede mundial de computadores. 

     Infelizmente o medo e a insegurança levam as pessoas não se darem conta ao que estão sendo submetidos. Não se dar conta da mudança negativa que cada vez mais acentua em afronte a vida humana, bem como a liberdade que está sendo restringida. 

     Desta maneira a humanidade vai abrindo espaço às manobras de lideres mundiais sem escrúpulos se tornando mais escrava deles, sendo usados como massa de manobra para que possam perpetuar no poder, ou criar condições de subserviência da humanidade com suas autorgas, acentuando a divisão entre os povos. Enfim, o homem vai retroagindo a suas origens tornando mais egoísta e individualista. Um verdadeiro retrocesso em termo de evolução da espécie em pleno século XXI
Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 07/11/2006
Reeditado em 07/11/2006
Código do texto: T285051
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 51 anos
5266 textos (1219323 leituras)
5 e-livros (11756 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:16)
Ataíde Lemos

Site do Escritor