Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

REPÚBLICA CONFORMISTA DO BRASIL

Conta a lenda que, em visita à Terra Brasilis na década de 60, o general francês Charles de Gaulle teria dito: o Brasil não é um país sério. Outros confirmam que a célebre frase teria sido criada pelo embaixador Carlos Alves de Souza (Le Brésil n´est pas un pays sérieux).
Bem, o que encanta também os gringos é a nossa capacidade de rir das nossas desgraças (já existe uma vertente sociológica que prova que somos o País dos Conformistas).
Um exemplo incontestável desta nossa cândida doçura e tolerância ignara, é que, pelo volume de denúncias até a presente data, num país desenvolvido Lula já estaria em processo de impeachment.
Conformar-se com o errado e a impunidade nos transforma no "melhor país do mundo"? Não sei. Só sei que desde que nasci ouço a frase "somos o país do futuro". Será que o futuro passou tão rápido que não vimos?
Abaixo, trechos de um artigo de Olavo de Carvalho, publicado no jornal Zero Hora (RS).
Publicado em agosto de 2003, mas que se mantém atualíssimo.

.............................................................

Aforismos para a decifração do Brasil

O brasileiro é o povo mais burro e pretensioso das Américas, governado pelos políticos mais fingidos e inconseqüentes do Hemisfério Ocidental, instruído pelos pseudo-intelectuais mais ignorantes e tagarelas do universo. É por isso que aqui, mais que em qualquer outro lugar do mundo, o futuro a Deus pertence.

* * *

Quando digo que o Brasil é hoje um país sem horizonte, um país condenado a sair da História, sempre aparece alguém me descrevendo as maravilhosas perspectivas de desenvolvimento econômico que nos são abertas por tais ou quais fatores internacionais. O simples fato de que alguém identifique um horizonte de futuro com meras possibilidades de desenvolvimento econômico já é sinal de ignorância letal.  (...)

Se querem conhecer as perspectivas do Brasil, não olhem as estatísticas e o PNB, mas comparem os nossos políticos, a nossa classe intelectual dos anos 30 a 60 com os de hoje. Comparem Francisco Campos com Marcio Thomaz Bastos, Gustavo Capanema com Christovam Buarque, Graciliano Ramos e Manoel Bandeira com Marilene Felinto, Miguel Reale e Mário Ferreira dos Santos com Marilena Chauí, Carlos Lacerda e Oswaldo Aranha com Babá, Heloísa Helena e o dr. Enéas. Vejam o nosso presente e conhecerão o nosso futuro.
Raimundo de Moraes
Enviado por Raimundo de Moraes em 06/07/2005
Reeditado em 24/02/2014
Código do texto: T31718
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Raimundo de Moraes
Recife - Pernambuco - Brasil
43 textos (8353 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:35)
Raimundo de Moraes