Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EVANGELHO COMENTADO: E disse Jesus a Zaqueu

                       
                          Hoje veio a salvação a esta casa.


Ficus sycomorus é um tipo de figueira. Em hebraico shikmah e em grego sukomorea. Sicômoro se preferir em português cujo significado, de acordo com o dicionário Aurélio, é o mesmo que falso-plátano, isto é, uma árvore grande, ornamental, da família das aceráceas , originária da Europa, dotada de flores com propriedades melíferas, dispostas em cachos compridos, pedunculados, racemosos e vilosos com várias sementes revestidas de arilo e cujo fruto é a sâmara dupla (que é diferente de um figo, este também podendo ser chamado de sicônio e talvez daí surja a confusão entre um sicômoro e o figo). Pois é numa árvore dessas que Zaqueu subiu para ter uma visão do Mestre. Inteligente, esperto e rico como um bom judeu, Zaqueu teve uma visão privilegiada da situação. Antes não via aquele que era notícia por onde passava e agora o via do alto numa perspectiva única impossível para quem estava no chão. Isso se deu em Jericó, aquela cidadela fortificada que teve seus muros derrubados pelo som das trombetas de Josué. Para surpresa de todos Jesus se alegrou com essa atitude e se fez convidado para hospedagem, irritando a todos que se jungavam merecedores  por serem, talvez, pobres. E aqui uma confusão se esclarece: o médico está para o doente assim como o Cristo para quem está perdido, independente de classe, gênero, cor, e mais. Jesus antecipara na atitude de Zaqueu, de o procurar a pesar dos riscos, um coração generoso, piedoso e sedento. Mais uma vez me pego pensando no tamanho dos meus dos seus sonhos e na coragem para realizá-los. Pensando nas perpectivas que se pode ter quando nós ousamos olhar para frente de um outro ponto de vista,  e por um instante ínfimo meu espírito alça um voo tão alto como o de Ícaro e sobi o mas alto possível para ver descortinar no horizonte a visão da primavera que se anuncia.
Baltazar Gonçalves
Enviado por Baltazar Gonçalves em 13/09/2011
Código do texto: T3217497
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Baltazar Gonçalves
Franca - São Paulo - Brasil, 46 anos
422 textos (13606 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/14 01:47)
Baltazar Gonçalves



Rádio Poética