Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BURACO MARAVILHA

O Fio Maravilha de Jorge Ben, todo mundo conhece: aquele que fez um gol de anjo, um verdadeiro gol de placa.
Agora Ribeirão Preto tem o Carlos Maravilha fazendo a alegria dos proprietários dos Gols, dos Sienas, dos Pálios e outros carros a álcool.
Carlos Eduardo Simões Maravilha é o gerente sócio do Auto Posto Restituição que, recentemente, afirmou ao Clube Verdade que vem sofrendo ameaças de concorrentes por causa do baixo preço praticado pela revenda. Carlos Maravilha também garante que existe uma cartelização no setor e acusa a concorrência de formação de quadrilha e crime contra as relações de consumo.
Carlos Maravilha divulgou quanto paga pelo litro de álcool, deixando claro para a população que o litro desse combustível pode ser vendido, com um bom lucro, ao mesmo preço que é comercializado em toda nossa região e até em São Paulo: abaixo de R$ 1,00 o litro.
O litro do álcool, em Ribeirão Preto, está custando, em média, pasmem, R$ 1,25: e não estamos na entressafra da cana-de-açúcar.
Isso é um roubo, mesmo que não seja provada a existência de quadrilhas.
Homem corajoso esse Carlos, digno de elogios e de uma homenagem especial por parte de nossa população caso sejam comprovadas suas denúncias.
Discordo da colocação do presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo (Sincopetro) quando afirma que preço muito baixo indica venda de “álcool molhado”. Penso que preço justo significa honestidade, falta de ganância, respeito às leis de mercado, cidadania, etc.
Temo pela integridade física de Carlos e de sua família depois de suas declarações no programa Clube Verdade, que envolvem milhões de reais, mas, ao mesmo tempo, confio no Procon Maravilha e no trabalho dos nossos Promotores Maravilha Carlos César Barbosa, da Defesa do Consumidor, e Luiz Henrique Pacini Costa, da área criminal.
Para sairmos desse fundo de buraco que no momento nos impõem a imoralidade administrativa, a corrupção, a ausência total de ética, a falta de respeito pelo ser humano, precisamos contar com um José Maravilha em cada governo (municipal, estadual e federal) e no Congresso Nacional, com um João Maravilha em cada Câmara (municipal ou estadual), com um Antônio Maravilha em cada associação comercial e industrial, com um Silva Maravilha em cada espaço onde estiverem sendo tomadas medidas que mexam com a vida do cidadão comum e de toda nossa sociedade.
E por falar em buraco.
Michio Kaku, professor de Física Teórica na Universidade de Nova York escreveu em seu livro “Paralle Worlds” que a única saída para a sobrevivência das formas de vida no Universo é deixarmos esse Universo e entrarmos num Universo paralelo passando através de um “buraco de minhoca”, ou seja, portais que interligam Universos paralelos, às vezes descritos como “pontes de Einstein-Rosen”, mesmo não se sabendo se correções à teoria quântica possibilitariam ou não um viagem desse tipo.
Ou seja, mesmo no fim dos tempos, a esperança que nos é oferecida pelos cientistas não passa de um buraco: que seja, pelo menos, um buraco maravilha.
Tórtoro
Enviado por Tórtoro em 13/07/2005
Código do texto: T33871
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tórtoro
Ribeirão Preto - São Paulo - Brasil, 67 anos
176 textos (27937 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 06:52)
Tórtoro