Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EUCARISTIA: MILAGRE DA VIDA

O grande questionamento que surge diante deste mistério de fé que é a Eucaristia, é o que sentimos diante dela? O que entendemos, sabemos e conhecemos a seu respeito?

Em cada Celebração Eucarística há a grande oferta do pão que ao ser consagrado torna-se Corpo de Cristo. Num simples olhar humano na da de diferente ocorre. O pão é o “mesmo”.

Pedimos e pedimos muitos milagres. Quando eles acontecem será que soos capazes de percebê-los? Talvez, de tanto pedir e pedir nem nos damos conta que eles acontecem e continuamos pedindo.

Quantas vezes fazemos de Deus uma caixinha de pedidos e desejos? Recorremos a Ele com monte de pedidos. Recorremos a Ele tão somente quando temos algo para pedir. Depois, depois não precisa. Agradecer sem sequer lembramos.

Quem dera que entendêssemos o real valor de uma Celebração e sentíssemos o milagre do pão. Isso nos bastaria.

Habitamos na casa de Deus e não nos damos conta desta graça. O Pão se torna Corpo de Cristo e não nos damos conta do milagre. O que mais queremos?

Os judeus esperavam um rei que viesse os libertar com força de guerreiro, com cavalos e armas de guerra. Jesus veio pregando um jeito diferente de viver, de se conquistar as coisas: pelo Amor. Não há nada mais forte, mais poderoso e convincente do que o verdadeiro e sincero amor.

Se Jesus viesse hoje como veio a 2000 anos atrás, com certeza mexeria muito com a nossa fé. Esperamos um Deus que nos liberte de todos os males, que traga a paz como um herói, quem nos liberte da corrupção. E nós o que fazemos diante de tudo isso? Jesus com certeza diria: Eu estou convosco todos os dias na Eucaristia e você nem olha pra mim. E aí muitos diriam: Senhor, eu vou a missa todos os dias ou todos os domingos, dou dízimo, dou esmola, faço jejum.... Jesus responderia: Você vai a missa, mas não me v^}e na Eucaristia. Comunga mas nem sabe por quê? Se ajoelha, mas não sabe pra quem.

Cada consagração, quando o sacerdote faz o ritual com a hóstia e o cálice acontece um milagre, o milagre da vida. O pão se torna Corpo de Cristo. O pão é carne. O vinho é sangue. Temos consciência disso? O pior de tudo, é quem nem muitos sacerdotes tem a consciência disso. Celebram de forma mecânica porque tem que celebrar. Antes de tudo tem que viver, sentir o que se celebra. Viver esse momento.

Se não conseguimos perceber tão grande milagre que é a Eucaristia não sei se conseguiremos perceber outros milagres que acontecem em nossa vida. Toda consagração é um milagre.

É preocupante quando saímos da Celebração igual ou pior do que viemos. Insisto! Se tivéssemos consciência de cada momento da celebração, nossa vida seria transformada toda vez que participássemos dela. O milagre da Eucaristia acontece não só no pão que está no altar, deveria também acontecer no nosso coração.

Temos Jesus conosco, em nosso meio e não sabemos, não sentimos. Jesus diria para nós: Hipócritas, tirai primeiro a trave do vosso olho e depois então, vede

como podereis tirar o argueiro do olho de vosso irmão." (Mt 7, 3 – 5) Tirar a trave que nos impede de ver e sentir à Jesus presente na Eucaristia que é Vida, que é Milagre de Vida.

Cada Celebração é motivo de emoção, alegria, fé, festa. É o pão que se torna vida para alimentar a nossa vida. É o vinho que se torna sangue para lavar nossa culpa. Comungando passamos a fazer parte do povo eleito de Deus, porém comungar não é só comer a hóstia recebida na hora da comunhão, é, antes de tudo abrir o coração e deixar Jesus entrar. Toda Celebração nos prepara para este momento, por isso não se comunga no início, mas no final. Se não vivermos bem cada momento da Celebração não viveremos bem o momento da Comunhão e apenas será uma Celebração a mais em que marcamos presença. Aqui não é só para marcar presença, é preciso viver o momento.

Temos a possibilidade de ver acontecer esse milagre, de poder sentir mais de perto, e porque não dentro de nós a Jesus, e não deixamos isso acontecer. Não vivemos esse momento. É preciso olhar e cuidar da nossa fé. Temos consciência em quem acreditamos? Ou estamos aqui apenas porque nossos pais nos inseriram e fizeram seguir por esse caminho?

Quem me dera ver chegar o dia, em que diante da Eucaristia todo joelho se dobre e nosso coração se abra para reverenciar e acolher ao Cristo, Senhor e autor da Vida.

É um mistério tão grande que a razão não consegue entender nem explicar. Basta abrir o nosso coração e entrega-lo a Deus. O resto Deus fará. Deus sabe como.

A Eucaristia é um milagre. Eu já senti e vivi esta experiência. Vale a pena. E você, já viveu essa experiência?
Hermes José Novakoski
Enviado por Hermes José Novakoski em 24/07/2005
Código do texto: T37288
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hermes José Novakoski
Marituba - Pará - Brasil, 35 anos
477 textos (375185 leituras)
1 áudios (83 audições)
2 e-livros (440 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:33)
Hermes José Novakoski