Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estado de Mato Grosso do Sul: Um Lugar Em Lugar Nenhum

Há certas questões, seja qual for sua natureza, afirmo até que todas, que somente percebemos a sua real dimensão, intensidade, natureza e complexidade, no ato em que nos posicionamos para analisá-lo, senti-lo, vivenciá-lo, externamente.
Havendo, por motivos profissionais, alternado meu domicílio para o vizinho estado de São Paulo, onde apresentei-me aos novos colegas e concidadãos, à medida que ia alargando e estabelecendo o meu círculo de relacionamento, com todo o meu orgulho e honra de ser “um sul-mato-grossense”.
Foram nesses momentos que descobri ser um habitante de Utopia, um lugar em lugar nenhum, quando menos, ultraje maior ainda, nominavam-me de “mato-grossense”.
Olhando do exterior, nosso rico Mato Grosso do Sul, não consta do mapa do Brasil, continuamos a ser unicamente “Mato Grosso”; não reconhecem nossa autonomia, não reconhecem a identidade sul-mato-gressense, somos um estado não reconhecido, conhecido sim, como alguém que ainda não alcançou a maioridade, vivendo à sombra daquele do qual originou-se. A associação é intrínseca ao nome, por isso transparece uma única identidade. A identidade é revelada, reconhecida, quando condensada em um termo. Mato Grosso do Sul traz em si, toda a carga de valores que identificam o povo de Mato Grosso, não havendo dissociação entre este e o termo “Do Sul” que fica sempre relegado ao esquecimento, como mero apêndice.
Urgente se faz construirmos nossa plena capacidade, decretando o fim da infância, podendo ter e assinarmos o nosso próprio nome, que revele de fato nossa identidade, nossa cultura nossa História, nossa geografia, nossas riquezas, estabelecendo nossa autonomia e nossa existência enquanto estado brasileiro.
Há de ser um termo que tenha essa força de agregar em si todos esses elementos que compõem a identidade de um povo, que transmita por si a visão personalizada a evocar o nosso chão, o nosso povo, nossa arte e cultura, sem incorrer no lapso de ser confundido ou fundido a outro.
Teremos de alcançar a maturidade necessária para reconhecermos essa questão e tomarmos essa importante decisão que nos fará sair do anonimato e situar nosso estado em uma existência real perante a consciência nacional.

Erode Lino Leite
Enviado por Erode Lino Leite em 07/10/2005
Código do texto: T57631

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Erode Lino Leite
Nioaque - Mato Grosso do Sul - Brasil, 53 anos
121 textos (14580 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:07)
Erode Lino Leite