Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um colégio que não honra seu nome

Primeiro foi aquela história de ter um núcleo do PSOL dentro do colégio:
http://epoca.globo.com/educacao/noticia/2017/03/procuradoria-entra-com-acao-contra-colegio-pedro-ii-e-psol.html

Agora, a simulação de uma banca do tráfico:
https://oglobo.globo.com/rio/estudantes-simulam-banca-do-trafico-em-exposicao-no-pedro-ii-provocam-polemica-21810696

E ainda aparecem "educadores" (jargão esquerdista para "professores") a dizer que os alunos só estavam representando sua realidade. Mas para que serve um colégio? Para ensinar que droga não presta, ou para servir de palco para "representar a realidade" do tráfico?

É claro que, para a esquerda, a finalidade dum colégio depende da situação. Quando se trata de doutrinação marxista, ele serve para "mudar a realidade". Mas quando se trata de demagogia pedagógica, é para "representar a realidade" - leia-se: reproduzi-la.

De orgulho nacional a aparelho da esquerda militante... Então, é para isso que serve o art. 242, § 2º, da Constituição, quando se dá ao desfrute de dizer que esse colégio deve continuar federal? E eu que pensava que era só perfumaria. Não. É reserva de mercado ideológico de ativistas a régio soldo.

A esquerda tem a mania de mudar os nomes dos logradouros e instituições, para louvaminhar seus heróis, especialmente os que têm as mãos sujas - de sangue; ou coisa pior; ou seja: todos. Em situações normais, sou contra. Mas se querem continuar enxovalhando o nome do nosso último grande estadista, é melhor que o renomeiem de vez. Que lhe deem o nome que melhor retrata o espírito democrático dessa turma: "Colégio Joseph Stalin".
Laércio Becker
Enviado por Laércio Becker em 13/09/2017
Reeditado em 13/09/2017
Código do texto: T6113092
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre o autor
Laércio Becker
Curitiba - Paraná - Brasil
227 textos (5620 leituras)
1 e-livros (24 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/09/17 05:22)