Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O PODER E A FORÇA DA IMAGEM


Nadir Silveira Dias


Na cidade de Rio Grande de 19 de fevereiro de 1737, a mesma em que nasceu Apolinário José Gomes, em 29 de agosto de 1844, corria então o ano de 1963, quase certo, ou muito provavelmente, esse era o ano.

O evento era o Desfile de Estudantes – talvez na Semana da Pátria, e não era dos pequenos, como eu pouco mais que era – recém-saído do Curso Primário.

Era dos ginasianos e colegianos, cuja nota marcante era o protesto contra o estado de coisas que apresentava o país, o próprio Estado e os municípios.

Um dos estudantes - enorme para mim, por várias razões - seja porque participava do desfile, de suma importância pelo alarido que causava, seja porque estava trajado de caçador e apetrechado como tal e de espingarda em punho.

Caminhava em passos cuidados para não espantar a caça e um tanto furtivo como se a caça estivesse próxima.

Até aí, diferente e tal para um neófito como eu, mas ainda sim, normal. Era um caçador em busca ou à espreita da caça.

No entanto, ao passar por onde eu estava postado para assistir ao desfile pude ver e ler a placa (ou letreiro) que trazia colada nas costas: “Onde estão os gatos da Prefeitura?”

Essa imagem me acompanha a vida toda. A sua inventividade e pérformance foram tão marcantes que eu nunca mais esqueci.

Claro que estou me referindo a uma imagem interpretada. Mas não havia fala. Era apenas a imagem interpretada se movendo! Gritando – sem nada dizer - no meio do desfile!

O seu autor-criador talvez nem lembre desse fato. Ele, porém, serve para demonstrar com absoluta clareza como estão certos os publicitários.

Trata-se realmente de arma infalível a ser usada em benefício do bem. Use você também!

Ah! Apolinário José Gomes é o mesmo que em 1868 fundou a Sociedade Partenon Literário e antes adotara o nome da cidade que tanto amou: Porto Alegre.

Com seu busto furtado e recuperado em parte, Apolinário José Gomes Porto Alegre teve lembrado em 2004 o centenário de seu falecimento, em 23 de março de 1904.

Nadir Silveira Dias
Enviado por Nadir Silveira Dias em 31/10/2005
Código do texto: T65575
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nadir Silveira Dias
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
1035 textos (153728 leituras)
4 e-livros (380 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 12:12)
Nadir Silveira Dias