CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

Porque somos denominados seres SOCIAIS?

São questões que por inúmeras vezês deparamo-nos, por mais que exemplifiquem modelos, metódos, teses, etc., observamos na teoria que quando as situações tornam-se adversas, extremamente perigosas, possibilitando os riscos de vidas, alguns grupos formam-se para lutarem por suas respectivas sobrevivências, isto por um período determinado até, que sintam-se distanciadas dos perigos, assim sendo, "confortáveis" para assumir suas propriedades e personalidades; outrora, mediante ao caos, catástrofes e iminência da extinção, manifestavam-se nulas. Disto, observamos pasmos, sentimentos egoísticos, sentidos frívolos e os fatores nada humanitários, sociáveis e solidários com os demais envolvidos em causas sinistras absorvidas anteriormente (?). Nas artes cênicas, sejam fictícias ou reais, em geral, evidenciamos tais ocorrências, nos relacionamentos "humanos". De praxe, a vida imita a arte; então, agoniados, sufocados e sem esperanças, acompanhamos inertes, frustados e impotentes, nossa sociedade corruptível, encharda de pessoas interessadas nos seus próprios bens sociais, quando deveríamos, compartilharmos das parcelas justas da divisão social para todos distintos "seres humanos" em plenitude da harmonia ambiental. Ao contrário do título acima, doutores e mestres, os seres racionais, nunca serão seres SOCIAIS mas, execráveis seres OPORTUNISTAS.
Ainda questionamos: Porque seres SOCIAIS, se não participamos dados, civilizados e tendenciosos, próprios para vivermos numa...SOCIEDADE real e justa!?
KabrAL
Enviado por KabrAL em 10/10/2007
Código do texto: T688025

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
KabrAL
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
8 textos (1008 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/14 19:00)