Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O BELO NO TEMPO...

É fato, que a arte documenta a vida.
Quando nos reportamos às pinturas dos grandes mestres das diversas escolas, é notório que o padrão da beleza feminina mudou e reciclou-se através dos tempos ;e ao gosto da culturas e das civilizações.
E a geografia do planeta...inclusive hoje, sem dúvida alguma, altera os determinantes da beleza física!
Biotipos de várias raças, puras ou miscigenadas, dão ao universo feminino , várias possibilidades padrões de Beleza, conferindo ao belo uma relatividade muito salutar.
Nós que somos dum país tropical, cuja beleza e sensualidade inatas, talvez devam-se ao produto do nosso vasto sincretismo cultural e racial, fortalecido pelo misticismo das praias,encantamos o mundo com a beleza das nossas mulheres, de corpos esculturais.
Os bum-buns brasileiros todos acreditam serem os mais belos do mundo.
São nossa marca registrada!
Mas hoje, a mídia mostrou um concurso de bum-buns orientais.
Parei para observar a vencedora, e confesso que esperava por um pouco mais de "sustância"( nada em absoluto contra bum-buns não tropicais), acostumada que estou a observar o produto pelas nossas praias, e também o devaneio dos homens quando se chocam com os postes das calçadas, ao se distraírem com certos rebolados!
E por favor não me levem a mal! Sou apenas alguém que sabe reconhecer o que é belo...e em matéria de bum-buns, as brasileiras são realmente imbatíveis!
E se alguém disser que não, bom daí, deverá ser intriga da oposição...sempe feminina, óbviamente.
Foi aí que resolvi discorrer sobre a cultura do belo.
Pensei: Parece que o mundo realmente não entende muito de bum-buns...ou então, está faltando literalmente...clima!
MAVI
Enviado por MAVI em 17/10/2007
Código do texto: T698155

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
MAVI
São Paulo - São Paulo - Brasil, 57 anos
5422 textos (339063 leituras)
991 áudios (86925 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 02:44)
MAVI