Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                        ILUSÕES  E REALIDADE


          È fato que ao sentirmos algum  tipo de sentimento por alguem, criamos ilusões a respeito, como se fosse caso concreto, como se fosse  como sonhamos, ou gostaríamos. Não sendo assim, pode acontecer dessas ilusões esgotarem nossa energia.
          Antes que se esgotem todo nosso sistema sensitivo, nossas emoções, as sensações de alegria, prazer, ficaríamos sem nada; precisa-se verificar os sentimentos negativos que temos em nosso interior. Podemos dar início a um sentimento de desvalorização de nosso EU,  de nós mesmos, bloqueio de nossas emoções e ficarmos sem nossa auto-confiança. 
          A pessoa sente como se a vida estivesse vazia, sentimento de perda total, no caso, como se a alma fugisse de nós nos deixando ôcas.
         O difiícil para casos assim, geralmente de perdas, é analisar os próprios  sentimentos e poder agir com o que achamos mais correto. No caso descrito, fica quase impossível que consigamos chegar a uma conclusaõ sobre nossas atitudes, se certas ou erradas. Auto-análise é bem dificil de ser feita para quem está num estado de sofrimento. 
          É bom lembrar que seja homem ou mulher, os dois têm sentimentos, o que não significa que, por exemplo,  um casal que se separa, mesmo  um deles sentindo amor; nada que se faça, fará o outro amar também.
          Para se lidar com isso, o que pode ser pior é o desespero, nem  sentir-se  desprezo por si mesmo, numa condençaõ por não deixar de sentir o amor não correspondido.
          Se houvesse uma auto-estima nessa pessoa, isso não aconteceria, pois não permitiria ser ou sentir-se desmerecida. O caso é que, quando nos sentimos abandonadas (os), é dificil se sentir com uma grande auto-estima, o gostar de si mesmo, já termina no momento em que se entra em depressão ou apenas uma grande piedade por si , por não ter coragem de enfrentar a desilusão e tentar outra vida com outro alguem ou só..por que não?
         A auto-cura está na proporção em que se tenta procurar uma atividade que, de alguma forma. impeça ele ou ela, de tentar comunicação com quem não nos quer.
          O parceiro´pode aceitar ter uma amizade com o outro, por realmente gostar da pessoa, mas não amar; ou pode repelir qualquer tipo de comunicaçõa de dizer claramente, o que nos causaria grande sentimento de repulsa, de negativismo.
E nossa auto-estima iria acabar de desaparecer.
         Temos a capacidade de olharmos para dentro de nós mesmos e verificarmos o que estamos fazendo de nossa vida, e por fim , tomar uma decisão, mesmo se sabendo que haverá um tipo de sofrimento, mas é um passo para começarmos a sentir que somos pessoas merecedoras de amor, amizade, paixão por outro, sem precisar mendigar amor a ninguem.
          Poucas pessoas com que  lido, dizem ter condições de ser amigo de quem se ama, mas não é amado. (a). É uma decisão que só a pessoa pode tomar, num momento de lucidez e amor próprio  
          É bastante triste, quando declaramos nosso amor por alguem, abrimos nosso coração mas não temos o retorno   desejado. Se aceitamos condições para termos a pessoa    amada,    de algfuma forma, corremos o risco de nos tornarmos um nada na vida.  Sem sentimento, seríamos vegetais.  
         O importante e mais correto, mesmo dificil. seria levantarmos a cabeça, seguirmos a vida tentando, se não outro amor, algo que nos desse prazer, um pouco de alegria e aos poucos retomar a vida normal...
         Li um livro de Tennessee Williams em que um  dos personagens, para fugir de sua vida miserável, por se sentir sempre infeliz. vivia nos cinemas. Era uma fuga, pois durante duas horas, ele em nada pensava,, pois dedicava-se a se transformar em algum personagem que a ele se assemelhasse. Sei de pessoas que fazem isso na vida real. Algo precisa ser feito para se sair de uma situação sem nenhuma esperança.  Impossivel é viver a espera de milagres que não acontecem, de quem não voltará, de quem não nos ama, perdendo tempo útil de vida, a espera do nada.
          Não é nada fácil, mas que é necessário, é.! Acredutar e si mesmo e sair em busca de seu novo destino.
naja
Enviado por naja em 02/11/2007
Código do texto: T720014
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
naja
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1207 textos (236352 leituras)
147 áudios (33087 audições)
525 e-livros (50966 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 03:29)
naja