Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VESTIBULARES: UMA CORRIDA PARA A VIDA!

 Final dos anos setenta, e eu retornava às cadeiras do cursinho pré vestibular, em meio às aulas de biologia, enquanto aguardava pelo resultado das provas, quando  um colega me avisou de que acabara de encontrar meu nome numa lista de aprovados. Saí dalí voando...
Era o início da concretização do meu sonho, sonhado desde os quatro anos de idade e confesso que tive poucos  dias na vida que se igualaram  à euforia que senti naquele dia.
Afinal, havia vencido a guerra dos vestibulares, mas longe ainda estava de vencer a guerra da vida, que acabara de se iniciar,e que agora sei ser infindável...
Hoje, para muitos pais e filhos, a sensação e a história se renovam, quando também para mim se renovou há três anos, ao deixar minha filha e uma tropa de amigos atrás do portão da FUVEST, com uma sensação inexplicável no peito...
Senti como se novamente eu fosse um deles, naquele batalhão de "crianças", todos ansiosos pela situação que tão precocemente nos coloca frente a  um dos momentos mais difíceis da vida, afinal, o de descobrir o nosso "ser profissional" , que nos dias de hoje, quando infinitas opções se abrem à  nossa porta, não é tarefa nada fácil.
Lembro-me que ali, fiz uma instantânea oração em intenção àquela multidão, e a lancei ao cosmos, quando pensei..."Meu Deus, coloca cada um deles no seu devido lugar...Amém."
E perguntei-me: escolha:...destino ou vocação?
Então, foi que me lembrei de algo que só soube no dia da minha formatura, e que vez ou outra ainda me emociona profundamente quando volto no tempo. Meu pai abraçou-me e me disse:
-Filha, parabéns, mas eu sempre soube...
Naquele dia, contou-me meu pai que, quando tinha eu seis meses de idade,oportunidade em que me trazia  no colo dentro dum trem, uma senhora se aproximou de mim e "do nada" lhe avisou do meu futuro profissional.
Quando voltou-se a ela pensando tratar-se de zombaria, pois tal descrição lhe soou como "total impossibilidade" dentro das suas condições momentâneas, em segundos, não mais a encontrou naquele espaço.
Disse-me que a tal senhora lhe falou  com tanta convicção, que ele passou a vida inteira a acreditar naquela  premunição.
De qualquer forma, coincidência ou não, acredito piamente nas mãos de Deus tocando-nos com o "chamado vocacional".
E foi esta certeza que acalmou meu coração naquele Domingão de FUVEST.
Nesse mundo MISTERIOSO E COMPLEXO, acreditem,  somente  a logística DIVINA, DAQUELE que conhece a tudo e a todos, para acomodar tantos FILHOS na engrenagem da vida com a qual nos premiou.
A nós "pais da terra", a quem tal vocação também nos foi concedida, só nos resta abraçar nosso filhos e seus "agregados", sintonizando-lhes paz ,tranquilidade e confiança, porque o sucesso estará garantido.
É o que desejo a todos, repetindo aquele meu mesmo pensamento:
-SENHOR, coloca cada um deles no seu devido lugar...Amém.
MAVI
Enviado por MAVI em 25/11/2007
Reeditado em 25/11/2007
Código do texto: T751725

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
MAVI
São Paulo - São Paulo - Brasil, 57 anos
5444 textos (340832 leituras)
993 áudios (87034 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 09:31)
MAVI