Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Síndrome do bonzinho!!!

Elogios têm que vir obrigatoriamente em um pacote junto com sinceridade.
Agradar por conveniência é complicado, não pega bem, não convence.

E o que é pior; compromete-nos com a hipocrisia.

Quem não discorda de nada (acrescentamos, discordar com educação e respeito), ou é alienado, ou sofre da síndrome do bonzinho.

Se é alienado, não passa nada pelo crivo da razão, não questiona, não raciocina; simplesmente aceita.

Todavia, pode começar agora a fazer diferente; aguçar  sua percepção e apurar o senso crítico. Como?

Questionando, perguntado, pesquisando, se informando...

Agora, se sofre da síndrome do bonzinho fica um pouco mais complicado.

A síndrome do bonzinho é terrível, nos obriga a gostar do que não gostamos e elogiar o que não admiramos.

Ela nos deixa bitolados!
Queremos ser aceitos de qualquer forma a qualquer custo.
Então, não discordamos, não raciocinamos e apenas  para agradar,  dizemos ; Amém! Sim! Olha, está mesmo muito bom!

Em troca, recebemos frases do tipo:
- Olha que bonzinho!

Enganamos a nós mesmos, e essa postura acaba por nos causar constrangimentos íntimos.

Culpa da vaidade, da necessidade frenética de sermos aceitos incondicionalmente e  da voracidade com que temos de satisfazer nosso ego e tornarmo-nos unanimidade.

Para mudar esse quadro se faz imperioso não ficarmos tão dependentes da opinião alheia, óbvio que devemos sim,  dar atenção aos outros, mas escravizar-se a isso  é deixar de se dar o valor merecido.

Outro dia uma amiga comentou:

- Olha, entre ser boazinha ou correta, eu prefiro ser correta!

Notável sua frase!

Se optarmos por agir corretamente, seremos fraternos concordando ou discordando, elogiando ou não,  e o que é melhor, seremos sinceros com nós mesmos!

Pensemos nisso!
Wellington Balbo
Enviado por Wellington Balbo em 11/01/2006
Código do texto: T97105
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wellington Balbo
Bauru - São Paulo - Brasil, 41 anos
364 textos (103964 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:43)
Wellington Balbo