Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Voluntários Indecisos

Há muita gente interessada em fazer algo em favor do semelhante ou da cidade, do bairro em que reside. Falta-lhes o conhecimento de como agir, a quem buscar, como iniciar algo ... Quando se quer fazer algo, falta apoio, falta gente, embora sempre se encontre os corações de boa vontade, prontos para agir. Mas são poucos...

Campanhas como doação de sangue, voluntários para vacinação de crianças, alfabetização de adultos, coleta de alimentos para famílias carentes, visitas a presídios ou hospitais, asilos e orfanatos, creches ou associações similares, são tarefas de máxima importância a requerer a boa vontade e presença firme de voluntários, que comparecem sem desejar retribuição, mas alí estão pela virtude de servir.

O mais interessante da magna questão é que quem trabalha como voluntário, quem se aproxima da dificuldade alheia (seja carência material ou enfermidade e mesmo nos graves assuntos coletivos), sente o perfume da alegria de servir. Alegria incomparável esta, só sentida por quem tem a felicidade de algo fazer em favor do próximo.

E, apesar das dificuldades de serem encontrados voluntários, há muita gente fazendo muita coisa boa. Nesta cidade como em outras. Grupos religiosos ou não, o coração tem batido com generosidade em muitas famílias.

É que a fraternidade é algo incomparável. Faz parte da natureza humana.

Está no homem ser solidário. O que ocorre é que muitas vezes nos esquecemos desta virtude valiosa para a felicidade humana.

Não se sinta indeciso quando tenha vontade de ser útil. Use a oportunidade, vencendo a indecisão. Há muito por ser feito e muitos precisando de você ...
Orson
Enviado por Orson em 14/01/2006
Código do texto: T98609
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Orson
Matão - São Paulo - Brasil, 56 anos
298 textos (94305 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 14:43)