Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Autores

Sobre o autor
Heliodoro Morais
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 63 anos
146 textos (29275 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/11/17 16:43)
Heliodoro Morais

Textos do autor
Perfil
Eu me chamo Heliodoro Morais
Nasci no dia oito de dezembro
Ano cinquenta e três se bem me lembro
Há cinquenta e cinco anos atrás
De Caicó, a terra dos meus pais
Corri o território nacional
Há oito anos estou na capital
E voltei a morar no meu estado
Fui do banco, mas sou aposentado
E montei residência em Natal

Eu sou , no movimento cultural
Escritor, trovador e cordelista
Compositor, poeta e até contista
Só pra satisfazer meu ideal
Como membro da União Estadual
Dos poetas de cordel do estado
Sou mais um aprendiz juramentado
Que procura no ato de escrever
Impedir nosso povo de esquecer
O folclore, a cultura e o passado

Sou um homem feliz por ser casado
E viver num mundo de maravilhas
Tenho um filho varão e mais três filhas
Quatro netos, que são o meu pecado
Caio Vinícius, meu filho é chamado
Minha filha mais velha é a Helina
Depois dela tem Nayara e Karina
Minha nora se chama Juliane
Minha cara metade é a Gislane
É Gigica, o apelido de menina

Júlia é minha neta pequenina
Netos são: Gabriel, Lucas, Mateus
Os presentes enviados por Deus
Pra tentar melhorar minha rotina
Ser feliz na velhice é minha sina
Se eu tiver a família do meu lado
Quero ver todo mundo bem criado
E na hora cruel da despedida
Vou fazer no cordel da minha vida
O poema do ser realizado

Faço meu, admirando o ditado
Que a gente, segundo o que ele diz
Tem a obrigação de ser feliz
Nisso eu ando muito bem obrigado
Os amigos que tenho cultivado
Tem que ter, por valores, a verdade
O respeito, o afeto, a amizade
Ser fiel, conivente e bem sincero
O amor da família é o que mais quero
Pra viver o que é felicidade


Última atualização em 24/11/17 16:43