Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Silva Melo

Antônio Silva Melo, médico, professor, autor de obra especializada e ensaísta, nasceu em Juiz de Fora, MG, em 10 de maio de 1886, e faleceu no Rio de Janeiro, RJ, em 19 de setembro de 1973. Eleito em 12 de abril de 1960 para a Cadeira n. 19, na sucessão de Gustavo Barroso, foi recebido em 19 de agosto de 1960, pelo acadêmico Múcio Leão.

Estudou no Instituto Granbery, tradicional educandário de Juiz de Fora, onde conquistou a medalha de ouro de formatura. Ingressou a seguir na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, cujas aulas freqüentou até o 3o ano, quando se transferiu para Berlim, onde fez o curso médico, formando-se em 1914, após defender tese aprovada com distinção e louvor. Especializou-se em Clínica Médica, publicando diversos trabalhos científicos em revistas alemãs. Em março de 1916, regressou ao Brasil trazendo volumosa biblioteca, instalações de consultório e laboratório, material científico, ainda não publicado, inclusive trabalhos realizados no Instituto de Radum de Berlim, sobre os efeitos biológicos da radioatividade. Partira no navio holandês Tubantia, que foi torpedeado no Mar do Norte em 15 de março de 1916, salvando-se Silva Ramos apenas com a roupa do corpo. Voltou então para Berlim, onde não pôde permanecer por estar o Brasil em vésperas de declarar guerra à Alemanha. Nessas condições, foi para a Suíça, onde obteve permissão do governo para trabalhar nos hospitais de Lausanne e Genebra, obtendo depois o posto de médico adjunto do sanatório Valmont.

Retornou ao Brasil em 1918, prestando exames e defendendo tese em Belo Horizonte para revalidação do título. Fez concurso para professor catedrático de Clínica Médica na Faculdade Nacional de Medicina do Rio de Janeiro, na vaga de Miguel Pereira, sendo aprovado. Realizou cursos gratuitos para médicos e estudantes na Policlínica de Botafogo e na Santa Casa de Misericórdia. Fundou, em 1944, a Revista Brasileira de Medicina, da qual foi diretor científico até 1973. Seus trabalhos sobre os efeitos biológicos da radioatividade tiveram repercussão no mundo científico internacional. Pesquisou e escreveu também sobre nutrição, metabolismo, imunidade e epidemiologia, nefrologia e gastrenterologia, alimentação, psicologia e psicanálise. Dono de vasta cultura humanística, ao abordar diversos da ciência médica Silva Melo colocou sempre o homem como núcleo de seus interesses.

Obras: Problemas do ensino médico e da educação (1936); Alimentação, instinto e cultura. Perspectivas para uma vida mais feliz (1943); O homem Sua vida, sua educação, sua felicidade (1945); Alimentação no Brasil (1946); Mistério e realidades deste e do outro mundo (1948); Alimentação humana e realidade brasileira (1950); Nordeste brasileiro. Estudos e impressões (1953); Estudos sobre o negro (1958); Panorama da América Latina (1958); Panorama dos Estados Unidos (1958); Estados Unidos Prós e Contras (1958); Israel Prós e contras (1962); Religião Prós e contras (1963); O que devemos comer (1964); Assim nasce o homem (1967); A superioridade do homem tropical (1967); Ilusões da psicanálise (1968). Várias de suas obras foram traduzidas para o inglês, o francês e o espanhol.
Milton Nunes Fillho
Enviado por Milton Nunes Fillho em 19/09/2006
Código do texto: T244094
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Milton Nunes Fillho
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 55 anos
1141 textos (460564 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 19:01)
Milton Nunes Fillho