Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A meu irmão

     No apagar das luzes de um tempo, vejo-o perdido entre o fim e o começo.
     Não te julgues sabedor de tudo nem despreze as palavras de conselho. É lamentável que após teres atingido e vencido uma fase da sua luta nesta vida, estejas perdido em sua própria ignorância.
     O saber não é nada diante da sabedoria.O saber é apenas uma parcela, a sabedoria é tudo.
     Deixes de críticas desnecessárias e sem  razão, já pensou em você no mundo que vai enfrentar?
     Acho que não e espero que sim. Pense, deixe de ter o que é mais desprezível no homem. A maldade.
     Julga-te sábio conhecedor das leis orgânicas e entender da matéria?
     Afinal o que é matéria?
     Sabes  ?
     Minha razão diz que não, mas que ainda poderás descobrir tudo.
     Talvez eu erre, isto não tem importância como também não tem toda estas pilherias e gozações baratas.
     Deve ter notado que toda às vezes eu as ignoro.
     A razão de estar agora lhe escrevendo é que a partir de 1981 a fase da lua termina e com isso diminui a influência sobre as emoções. Iremos entrar  no ciclo solar ( razão) e poderás acordar para a realidade que existe.
     Podes até desprezar tudo isto que escrevo, a opção é sua.
     Talvez você nunca entenda, o que é amor, respeito e educação.
     Are na terra bruta de si mesmo e semeie sementes sadias, só assim terás  boa e desejada colheita. Colhemos o que plantamos. Não espere colher  uva onde se planta abacaxi.
     A mim não importa o seu pensar, basta-me  estar consciente de haver cumprido o papel a que estava responsável.
     Não me julgo o único que sabe, respeito o saber alheio, assim  como respeito todo os pensamentos.  Posso discordar dizer não, sem, contudo ofender. É necessário ter tato.
     Agradeço a Deus minhas colheitas sejam quais foram, eu as mereci. Sei da necessidade de cada golpe que recebi.
     Fui ferro bruto que com o passar do tempo, fui sendo moldado para alcançar a forma atual.
     Estive sempre consciente disto.
     Desejo-lhe sorte no seu caminho, embora eu venha a sofrer com o seu sofrimento.
     Tens que começar a partir de agora sua verdadeira caminhada, tanto pode ser para sua realização como para o desagregamento de um todo. A opção é sua, poderás ou não se realizar, isso só depende de você.
     Para mim será maior a satisfação ver-te realizado, no entanto se isso não acontecer nada poderei fazer para  ajudar-lhe.A opção foi sua.
     Desejo-lhe vitórias no campo profissional e maior ainda no seu campo interno.
     Felicidades em sua nova caminhada, se precisar de mim lembra-te que eu existo apesar de todas as minhas falhas e erros. Eu sei quem sou  e como sou devido a minha maior vivênciação no mundo. Existem coisas, fatos e verdades que talvez você  nunca possa  vir a compreender a razão de tudo.
     Acorde para uma realidade maior. Não se restrinja às intrigas, mazelas e pilhérias sem sentido. Você não se realiza sozinho no mundo, todos nós temos nossas dívidas para com os outros.
     Você entende isso?
     Se entender, ficarei satisfeito por saber que ainda nem tudo se encontra perdido.Seu mundo ainda é pequeno e pouco representa no contexto universal.
     Será este seu mundo o melhor?
     Saiba reconhecer os favores sem, contudo ter que se humilhar.
     Acorde para a vida, não uma vida mesquinha e torpe. É necessário acordar para viver. Não continue a dormir, pois tudo é passageiro e rápido.
     Seja homem sem pensar que ser homem é ser macho. Nos animais também existe o macho e nem por isso eles são homens.
     Você sabe a diferença que existe entre o homem e o macho?
     Entre o homem e o animal ?
     Procure saber.
     A procura deve ser uma constante nos homens que buscam  sabedoria e só os medíocres se acomodam e se contentam com as tolices do mundo.
     Despreze-me se quiser, porém de mim em nenhum momento vai ouvir uma palavra de desprezo, ódio, rancor ou mesmo críticas irreais e infundadas. A crítica deve ter  como finalidade o crescimento do criticado.
     Respeite seu semelhante e renda homenagens ao cadáver "semiputrefato" que tanto  lhe serviu para sua formação profissional.
     Lembre-se de Lavoisier: não existe perda, não existe criação, somente a transformação.
     Acorde e viva a vida sem se envolver com ela. Colhemos o que semeamos.
     A opção é sua.
     Escolha seu caminho trabalhe e se  realize nos dois campos. Se não puder, sinto muito que tudo isso tenha sido em vão.
     Felicidades é o que lhe deseja este seu irmão.


     26/12/80 ( Carta escrita  nesta data )
Vanderleis Maia
Enviado por Vanderleis Maia em 03/02/2006
Código do texto: T107460
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vanderleis Maia
Imperatriz - Maranhão - Brasil
1412 textos (110804 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 15:06)
Vanderleis Maia