Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Duas grandes graças alcançadas pela intercessão de Frei Galvão

01/08/04
Duas grandes graças alcançadas pela intercessão de Frei Galvão

No ano passado, recebi de minha irmã um pacote com a novena de Frei Galvão juntamente com suas pílulas milagrosas. Imediatamente, fiz a oração e tomei as pílulas de acordo com as instruções. Pedi que desaparecesse um nódulo que tinha em meu corpo sem a intervenção de  médicos, já que  tenho certo receio de que eles passem exames e descubram algo mais sério que um simples sinal.
Terminei a novena e deixei a vida me levar.
Minha mãe, que olhava sempre o nódulo, certo dia procurou-o e não o achou. Eu lhe disse que só poderia ter sido o milagre que eu pedi, através da intercessão de Frei Galvão.
Nesta mesma época, também apareceu um nódulo no meu seio, que só crescia.
No dia 30/07 deste ano, fiquei desesperada porque achei o sinal ainda maior, e quando vestia uma blusa, tinha que por com muito cuidado, porque ardia muito.
Mais uma vez recorri ao Frei Galvão para que, com a intercessão dele, o sinal caísse sem a intervenção de cirurgia. No mesmo dia, o nódulo diminuiu e transformou-se numa casquinha preta. No domingo, dia primeiro de agosto, apareceu como se estivesse com pus. Fiquei com muito medo. Quando olhava sentia um grande mal-estar. Mesmo em pânico, fiz as orações matinais e os afazeres do dia.
 Logo após o banho, enxugava com muito cuidado com receio de machucar e o mal fosse maior.
De repente, desapareceu o nódulo. E já espalhei para várias pessoas conhecidas para que elas aprendam a ter fé em Deus. Inclusive, mencionei para esta irmã, que por sinal ficou muito emocionada e com mais fé ainda em Deus.
Comunico este fato, que para mim foi um milagre, para que a santidade de Frei Galvão seja conhecida por mais pessoas.  E para que eu nunca esqueça deste milagre operado por Deus por intercessão de Frei Galvão.
Para todos que precisem de um milagre como este ou outro, para aqueles que tenham um desejo enorme de ter fé, pois Deus mesmo disse: “Pedi e recebereis, procurai e achareis, batei a porta e ela se abrirá”. Recito diariamente este texto para ficar sempre no meu coração.
Peço que rezem por mim, principalmente no dia 23 de outubro que é o dia do meu aniversário. Que dê tudo certo para a publicação do meu livro de crônicas, onde também escrevi esta carta para a santidade de Frei Galvão.
Adriana Quezado
ADRIANA QUEZADO
Enviado por ADRIANA QUEZADO em 21/06/2006
Reeditado em 15/07/2008
Código do texto: T179531
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ADRIANA QUEZADO
Fortaleza - Ceará - Brasil
202 textos (13849 leituras)
1 e-livros (70 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 02:48)
ADRIANA QUEZADO