Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu eterno amor...

Meu eterno amor venho por meio dessa mal traçadas linhas tentar expressar para você, o meu grande e eterno amor.  Eu sei que sou falho, erro, peco contra ti, as vezes fico meio irado, grito, esbravejo. Perdão.  Perdoar é do ser humano, você as vezes também erra, peca.

Meu eterno amor, você naquela dia lindo em que te conheci, você sempre com expressão jovial, deste-me uma filha maravilhosa, as vezes ficamos até boque-abertos diante da felicidade de ser apenas mais uma feliz família.

Meu eterno amor você é como aquela semente que plantei no jardim do meu coração, brotou e se transformou numa bela árvore que dá seus frutos no tempo oportuno.

Meu eterno amor, queria que você soubesse que eu não vivo mais sem ter você por perto, você é meu "porto seguro", traz - me o cafézinho todo dia, você é a esposa que amo muito.

Meu eterno amor finalizando esta carta, quero que saiba que você é o verdadeiro amor que nunca se acabará.  Rosana, você é muito mais que um simples amor, você é o eteno amor. Sempre teu

Prof. Girafaleo

www.profgirafaleo.recantodasletras.com.br
Arlindo
Enviado por Arlindo em 11/08/2006
Código do texto: T214116

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Arlindo
Itapetininga - São Paulo - Brasil, 55 anos
42 textos (1949 leituras)
1 e-livros (48 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:29)