Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Para você que me ajuda a refletir.

Mesmice...
Ao fundo seu sorriso,
Como figura,meu temor.
Mudo.Mas a mesmice pode seguir comigo.
O que será de mim?
O que ainda tenho por dentro?
Que sangue corre em minhas veias?
O da acomodação,ou o da coragem de criar?
Mesmice...
Sua voz ecoa em minha mente.
A filha do Rei,
A era finita do nada...
A vida passada a limpo,
Na ponta do lápis,na tela do micro,na praia de Santos,
no lago Thun.
A foto que ficou,a voz que engasgou,e o sorriso tenso,do momento estático.
Mesmice...
Esse momento que marcou, do encontro que não houve,
A São Paulo que eu  desconheço...
Na música que nem ouvi,mas na imagem que eu busquei.
Do Leo que eu desejei,e nunca existiu.
Da mentira que eu vivi,
O urso que virou meu lixo,
E do pote de mel que me lambuzei.
Mesmice...
Vírus implacável que varro com o anti-vírus e com a sua voz ecoando:- Atravessa a rua! Atravessa a rua!
Mesmice...
Sinal amarelo,
Alerta total!
Para você que me ajuda a refletir,meu beijo mais que invariável,
Sempre, o meu beijo.
Syl Signoretti
Enviado por Syl Signoretti em 16/08/2006
Reeditado em 19/08/2006
Código do texto: T218062

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Syl Signoretti
Itajubá - Minas Gerais - Brasil
933 textos (89325 leituras)
76 áudios (9216 audições)
1 e-livros (309 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:34)
Syl Signoretti