Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SERÁ?




Olá meu ex(?)-amor!

Quantas indagações me assolam nessa noite fria!
Por que será que nos distanciamos tanto?
Será que o arrependimento e a súplica são provas de amor?
Será que a autocrítica feita em noites cheias de breus misteriosos como a de hoje, servirá para apagar dos teus olhos o mistério que deles nunca se separou?
Será que a separação, longa e saudosa, pôs em nós o perdão, em mim, o lamento pelo amor findo, em ti, a dor de me ver tão próxima e sentir-me tão distante?
Será que toda essa distância que nos separa,foi preciso,
para compreendermos a sublimação de se olhar carinhosamente para a mesma estrela do passado?
Será que todas as estrelas e luas do passado, novamente sairão e voltarão a iluminar nossos caminhos?
Ou será ainda que, como em tantas noites, mais um apelo ficará nestes versos e eu sofrerei levando para os breus,
os mistérios dos teus olhos, meu amado?
E o que faço com essa saudade imensa que dorme comigo, tentando inùtilmente ocupar o lugar que sempre foi teu?
Continuo te amando! Continuo te esperando!
Será que alguma noite como essa, te trará de volta, envolto no manto da escuridão?
Indagações... Tantas indagações... Meras indagações...
Mesmo assim, continuo simplesmente,
Sua.






25.10.2006
Vitória-ES




Sônia Maria Grillo
(B@by®)
Baby
Enviado por Baby em 25/10/2006
Código do texto: T273524
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Baby
Vitória - Espírito Santo - Brasil
587 textos (21960 leituras)
2 e-livros (177 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:33)
Baby