Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A falta de quem se ama Pais

Sinto a falta de duas pessoas que me eram muito importantes. Esta falta deixa-me nesta data um pouco triste, pois não tenho eles ao meu lado. Se pudesse vê-los novamente, por breves instantes, preencheria o vazio que sinto, mas sei que o impossível é difícil de alcançar. Os momentos que passei em minha vida ao lado deles foram os melhores e isto nunca mais retornará. Gostaria de um dia encontrá-los e dizer que durante o período que fiquei só aprendi sobre coisas que em minha infância somente o sonho me fazia pensar. Sinto palpitações fortes quando penso na falta daquelas pessoas que me acompanharam durante minha vida. Dedico esta carta a estas pessoas, pois um dia nos encontraremos na eternidade.
Olavo SR Filho
Enviado por Olavo SR Filho em 02/11/2006
Código do texto: T280188

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Olavo SR Filho
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 54 anos
41 textos (2422 leituras)
1 e-livros (66 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 16:58)
Olavo SR Filho