Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carta para ex-amiga.

Carta para ex-amiga

Cara ex-amiga, apesar do mal estar que entre nós ficou. Eu relembro de alguns momentos agradáveis que passamos juntas sempre riamos de coisas engraçadas, corriqueiras, mais também fomos parceiras em momentos tristes, em desabafos.
Enfim, eu te achava muito querida e te depositava a confiança de uma irmã, tanto que não tinha segredos para contigo.
Durante muito tempo, achei que éramos verdadeiras amigas, mais... Como tudo na vida é passageiro, embarcamos em caminhos opostos.
Se para te, não fui à amiga, certa, correta, ideal, aquela que nunca erra, me perdoe, realmente não poderíamos jamais vivenciar uma verdadeira amizade!
Pois sou aquela que comete pecados todos os dias e tenho muitos, muitos defeitos, procurando sempre corrigir-me dos exageros, deixando a santidade, para o julgamento de Deus Pai!
Não tenho mágoa de te, a vida... Ah! Esta ensina-nos a atirar a pedra, feliz aquele ou aquela que, diante dos seus pecados, jamais usa esta pedra. Pois nossa consciência deve ser sempre nosso Deus interior.

Norma Moura 21/09/2003


norma moura
Enviado por norma moura em 29/09/2011
Reeditado em 04/11/2011
Código do texto: T3248235

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
norma moura
Recife - Pernambuco - Brasil
178 textos (9343 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/14 10:14)
norma moura



Rádio Poética