Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carta TO Amada Kelly Cristine, in New Jersey - USA

Amada Filha
Kelly Cristine

Espero que esta te encontre ÓTIMA!!!

No que tange a tua pergunta, apresentada no texto abaixo, posso responder que, a inspiração, quiçá, vem ao léu.
Na realidade, nem me lembro ao todo; in fact, meu mundo interior muitas vezes se manifesta sem ao menos eu ter consciência de onde veio o caudal. Depois, noto que, certas atitudes intuitivas eram, na realidade, do plano mental, emocional, mais interiorizado.
"Buuttt" (!!!), de repente, talvez a inspiração esteja ligada às minhas preocupações em querer adentrar mais nesse mesmo mundo interior; perhaps, para o soneto em tela, na falta de chuva, que se faz aqui hoje na região norte, onde rios antes transbordantes, alguns, estão sendo atravessados a pé pelos ribeirinhos, por quilômetros e quilômetros do que antes era água. Inclusive enviei o mesmo poema, na sexta-feira, para publicação em outro site, onde rogava por chuva "sobre Nossa Amada Porto Velho, RO", jogada na internet no domingo: www.guiaro.com. Coincidência ou não, no sábado choveu muito; nessa madrugada, de domingo para seguda-feira, caiu dos céus, água e mais água que foi uma barbaridade (??!??) E agora, o que te digo...???!
Veja por exemplo, this night: foi maravilhosa. Lembro "que viajei o tempo todo". E sobre o território chinês: vi a vida lá como é, aquele monte de gente sendo controlado por um aparato policial extremamente rígido, servindo uma minoria no Poder, que, em geral, escravisa a maioria; lugares onde a pobreza é enorme; alguns lugares onde câmaras de TV monitoram tudo; recebi instruções interessantes sobre a responsabilidade que temos sobre os demais, em cada gesto, em cada olhar; em cada pensamento, em cada sentimento emanado. Que se estende no tempo, em formas-pensamento, por séculos e mais séculos: influenciando gerações e gerações. Portanto, temos que ter muito cuidado com a necessária limpeza, constante, de nossos pensamentos e sentimentos. Fazendo isto, temos a mente e o coração mais livres, mais abertos, mais fortes, para transpormos com mais facilidade os obstáculos que nos propomos ultrapassar, dentro da missão que, pedimos, e, foi concedida, here, "in this moment, in this life”. Desta forma, de nosso chacra conhecido como àquele da "terceira visão", emana a luz que abre caminhos, aos que estiverem no seu momento...
Esta noite, no sono, ou em estado de vigília, I don´t kwow really, vi até um concurso de beleza, onde se sagrou miss uma menina muito bonita, alta, vestida de seda na cor verde, mesclado com amarelo, com longos e sedosos cabelos negros, e que, também, tinha tido passagem anterior, no tempo, lá pelo Rio Grande do Sul; hoje vivendo na China, "desta vez"... Vi, ainda, gente truculenta, querendo dominar os outros, como se gado fosse; in fact, jogando para o futuro, longo no tempo, um carma pessoal a ser resgatado muito provavelmente com dor, na medida da maior ou menor capacidade de desmanchar a forma-pensamento negativa criada agora. De tudo isto, "como toda esta viagem" ainda está recente, grande parte dela ainda não veio a minha memória externa, e,  grande parte dela ainda não tive o devido tempo de processar. Por isto, ainda não sei ao certo se foi uma viagem astral corriqueira, ou foi uma ”viagem-que-viagem", com o mestre interior, relembrando tempos passados, vividos na China, que sei, há muito tempo foi real. Inclusive neste sentido, como detalhe, “já vi” o Vitor Francisco, vestido e calçado como chinês, em outra situação__ como igualmente vivenciamos na praia, em Santa Catarina__, subindo uma colina, na China. Eu próprio, já me vi, várias vezes, caminhando com gente nobre... (???), na China Antiga, coberto pelo manto vermelho: "o ´mesmo manto´ do eterno servir ao irmão próximo”; àquele que, maravilhosamente, cobria Nosso Irmão Maior JC, em sua abençoadíssima passagem por este orbe: ensinando-nos o caminho a percorrer. No entanto, esta noite foi: ou sonho, ou o ressurreição (como?) da memória do corpo causal para a memória externa, de um passado distante, extremamente proveitosa... Foi a observação do belo, do feio, do monstruoso, do maravilhoso. O que levou-me a observar que nos cabe, no Amor, no Poder e na Sabedoria Divinas, sempre, buscarmos o equilíbrio. Foi, in fact, mais um special moment in my present life: maravilhoso! Que transmito para ti, amada, com um abraço forte, quietamente eterno, vindo de meu coração e de minha mente, Pela LUZ.
No mais, não vou me alongar muito, eis que, de fato, aqui ter-se-ia "muito pano para muita manga", e, quanto ao tempo presente, não é tão comprido assim, here, now.

No mais, como está a vida, os estudos, o coração, a mente? Como estão ambos trabalhando, o que andam plantando no Cosmos para teu futuro melhor? Afinal, said me others things too, my princess:
__Talk to myself about somebody, or, in order to something too: the situations that You are living there.

Porto Velho, 17 de outubro de 2005.

Amando a Essência Divina Individualizada em você, em Cada Um de Vocês,meus amigos na LUZ, Aqui, Agora, Desde Sempre, Enquanto na Roda da Vida, e Além, Como Expansão Constante do Todo, na Vontade Maior, Eternamente, PELA LUZ;

Trabalhando Por Rondônia, Pelo Brasil,
Aqui, Agora,


In Sugestão:
E que cada um de nós Seja Capaz de Doar o que não lhe for útil para o irmão próximo, pois isto será uma benção renovadora, em prol de todos os necessitados.
Saibamos que, assim, estaremos semeando no Cosmos, sempre fértil, para o nosso próprio porvindouro, em Abundância Plena, necessitados que somos, não só do Pão Físico, mas do Eterno: justo e perfeito.

Haja LUZ. Haja ÉTICA.


Vitor Hugo Bitencourt da Silva
Papai
Vitor

Sócio Fundador da Associação Rondoniense de Poesia – ACARP
Sócio efetivo e Comendador da Ordem da Confraria dos Poetas Brasil – OCPOETAS BRASIL
DOUTORANDO
Web Site: http://www.vhbbrasil.recantodasletras.com.br
E-mail: vhbbrasil@vhbbrasil.recantodasletras.com.br /

                          *******

I present, down, your message:

"0i pai

Li o teu texto sobre a chuva.... saudade. Bem bonito. No que tu te inspirou pra escrever? Queria poder entender mais do que as palavras; já que tenho a vantagem de ser filha do autor, hehehe!!!
Beijo e bom fim de semana pra vocês.

New Jersey, USA, 14/10/05".

Kelly Bitencourt Vitor Hugo


 
Prof Vitor
Enviado por Prof Vitor em 17/10/2005
Reeditado em 17/10/2005
Código do texto: T60424
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Prof Vitor
Porto Velho - Rondônia - Brasil
142 textos (19423 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:24)