Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Parabéns, mãezinha!

Esta é uma homenagem que fiz em nome de todos os filhos, para a querida mãe Eliza quando da passagem do seu aniversário.
           *********************************

Mãe, neste dia memorável, rendemos graças a Deus pela sua vida.
Obrigada por ser essa mãe maravilhosa, acolhedora, paciente, carinhosa, meiga e sincera. Ah, são tantos os adjetivos que se fossemos expor um a um, não caberiam neste papel, pois o que sentimos por você não se traduz em palavras, eles não seriam suficientes nem estariam à altura de transcrever a pessoa maravilhosa que és.

Obrigada por emprestar sempre seu ombro amigo e acolhedor, apoiando-nos em cada decisão tomada, mesmo que essa decisão não seja boa aos seus olhos, mas quem ama como você, anula-se em favor do outro.

Admiramos-te e procuramos seguir teu exemplo, exemplo de mulher guerreira que abdicou de sua própria vida em nosso favor, que abdicou de sua juventude para fazer-nos jovens de caráter, abdicou do próprio mundo para dar-nos o mundo, não um mundo qualquer, mas o mundo da sabedoria, do amor, da dignidade, do entusiasmo e do saber.

Ensinou-nos com seu jeito manso que a vida não é fácil, e que é necessário coragem para seguir sempre adiante e de cabeça erguida.

Ensinou-nos que a escola da vida carece de persistência, perseverança, garra e ousadia, sem, contudo, machucar os que cruzam nosso caminho.

Ensinou-nos a trilhar pelos caminhos das rosas, nunca esquecendo que antes delas vem os espinhos e que eles são partes fundamentais no seu processo de encantamento, beleza e harmonia.

Ensinou-nos a sermos protagonistas da nossa história, a atuarmos no palco da vida com segurança e firmeza, a fim de sairmos vitoriosos dos capítulos diários do nosso viver.

Ensinou-nos a termos coragem diante das adversidades, dando como exemplo sua própria vida, esses percalços surgem muitas vezes para testar nosso modo de perseverar naquilo que almejamos.

Ensinou-nos a não parar no meio do caminho, assim como também não parou, seguindo com firmeza, tirando cada pedra da estrada até enxergar a luz no fim do túnel.

Ensinou-nos a missão do ser mãe assim como você é, encorajando-nos e educando-nos para a vida, dando-nos exemplo de dignidade e, sobretudo, humildade.

Ensinou-nos a sermos independentes, como você sempre diz: “Seu marido é o seu trabalho e o seu estudo”, tornando-se assim parte essencial na conquista do nosso sucesso profissional, incentivando-nos a concretizar nossas metas, nossos objetivos, nossos sonhos e assim termos, não apenas um diploma universitário, mas sim o diploma da vida, e ele não têm suas letras grafadas em uma folha de papel, mas está sim grafado de forma clara e transparente em nossos corações, com os seguintes dizeres:

OBRIGADA, MÃE, POR TERMOS NASCIDOS DO SEU VENTRE, POR SERMOS VIDA DA SUA VIDA E SANGUE DO SEU SANGUE.

Amamos-te!






Elian Maria Bantim Sousa
Enviado por Elian Maria Bantim Sousa em 01/09/2007
Código do texto: T634527

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Elian Maria Bantim Sousa
Coelho Neto - Maranhão - Brasil
492 textos (225932 leituras)
2 e-livros (82 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 06:01)
Elian Maria Bantim Sousa