Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

14 de Março de 2005, Ponta Delgada

Ganhei...
Hoje uma escrivaninha no Recanto das Letras!
Vim cá ler, heis-me a escrever... com ideia de dar continuidade às visitas a este Recanto.
Escrever o quê? Chamei a isto uma carta, uma conversa.
Preconceitos, ideias feitas, todos temos. Podemos tentar não ser movidos por eles e/ou elas, mas como não? Pelo uso da razão!?... Uma dose de ironia, é sempre boa companhia...
A ideia de vir aqui encontrar pessoas que escrevem e entre si se lêem é o meu “preconceito” inicial, é capaz de não ser bem realidade. Pela minha parte, tentarei, de algum modo dar realidade a esta ideia... esquecer o preconceito. Como?
Essa será a minha próxima carta, a um “leitor ideal”...
Abraço,
Francisco

P.S. Meu primeiro texto aqui no Recanto foi “estar”, uma poesia, depois de anotar comentário:
«Rendo-me à simplicidade como falas de ti, sente que estou a comemorar o Dia da Poesia dando Parabéns! a uma poetisa.», fica a comemoração di_vulga_da!
Francisco Coimbra
Enviado por Francisco Coimbra em 14/03/2005
Reeditado em 09/04/2005
Código do texto: T6514
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Francisco Coimbra
Portugal
785 textos (310270 leituras)
37 áudios (39535 audições)
1 e-livros (148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/16 19:33)
Francisco Coimbra