Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carta à Amada

"palavras passam....
como as águas de um rio incessante...
como as asas de borboletas,errantes....
palavras,só restam palavras...."

Nesse fragmento de papel...
Já desgastado pelo tempo,
Que mostra-se imperdoável,
Meus olhos reviram-se
Nas tintas,manchadas...
Nas palavras,apagadas...
Será uma carta?

Uma carta à amada?
Vejam só!
Há séculos atrás
Já haviam cartas
Mesmos aquelas às amadas
Com lindos versos de amor.

Cartas,palavras..
O tempo mostrou-se imperdóavel...
Mas o amor, este é eterno.....
e nao desgastar,com o passar do tempo.

Por isso,simplesmente,não escreva
cartas de amor,ou palavras,como queiram...
Sobretudo Ame!
Ame!
Poetabrasileiro
Enviado por Poetabrasileiro em 27/09/2007
Reeditado em 23/11/2012
Código do texto: T671103
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poetabrasileiro
Manaus - Amazonas - Brasil, 30 anos
38 textos (2695 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 02:41)