Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A espera ansiosa do meu amor

 Como é triste a dor da espera.
 A dúvida, ansiedade tomo conta do meu ser, o tempo passa e você
 não vem, eu não desisto, continuo a te esperar, penso: - Será que
 me antecipei, eu quero tanto este encontro, que estava contando as
 horas, os minutos.
 O tempo continua passando, estou com o olhar perdido na imensidão
 tentando achar você, no meio da multidão; Estou impaciente,
 começou a cair uma chuva fina; Eu vejo as pessoas, andando
 apressadas, pra lá e pra cá, todos tem um destino certo, um rumo a
 seguir, e eu estou aqui desejando que você chegue, eu tenho tanto
 pra te falar, Também quero saber de você. Está conversa, vai decidir
 o rumo da nossa vida, afinal faz exatamente, um ano que nos
 separamos, e nunca mais nos vimos.
 Estou aqui pensando, louca pra te dizer que: ainda te amo, que
 ninguém nunca ocupou o seu lugar, no meu coração, na minha vida.
 Já está anoitecendo, e você não chega.
 Será que só quis me enganar? Me encheu de falsas esperanças, de
 uma possível reconciliação.
 E noite, as luzes da cidade estão acesas, você não veio, eu volto pra
 casa frustrada, com o coração apertado, um nó na garganta. Cheia de
 dúvidas, e com as lágrimas do fracasso, de esperar por um amor, que
 não mais voltou.
Zuzufigueroa
Enviado por Zuzufigueroa em 05/10/2007
Código do texto: T681683
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Zuzufigueroa
Porto Velho - Rondônia - Brasil
1583 textos (292514 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 12:15)
Zuzufigueroa